ASSINE

3 receitas de drinques refrescantes à base de gin para fazer em casa

O gin entrou na moda e hoje em dia é difícil não pensar nele quando falamos em drinques e coquetéis. Por isso, a Zucchi Destilaria separou dicas práticas para quem não abre mão da bebida

Tempo de leitura: 3min
  • Zucchi Destilaria

  • Estúdio Gazeta

    O Estúdio Gazeta é o time de produção de conteúdo para anunciantes da Rede Gazeta, com estrutura independente da Redação de A Gazeta/CBN.
Publicado em 26/04/2022 às 13h05
Com tantas opções de bebidas, fica até difícil escolher o destilado que mais combina com um bom happy hour
Com tantas opções de bebidas, fica até difícil escolher o destilado que mais combina com um bom happy hour. Crédito: Bruno Zamprogno

Independente da estação, nada melhor do que um bom e refrescante drinque para aproveitar o final de semana e relaxar depois do trabalho entre família e amigos. Mas com tantas opções de bebidas, fica até difícil escolher o destilado que mais combina com um bom happy hour. Para quem gosta de experimentar e colocar a mão na massa, ou melhor, na coqueteleira, o gin pode ser uma boa opção, já que ele é prático, refrescante e super fácil de fazer.

Entretanto, até na hora de escolher o destilado é preciso ficar de olho na qualidade do produto. A escolha dos botânicos e o processo de elaboração influencia muito no resultado final, uma vez que são as especiarias usadas na destilação que garantem o aroma e sabor da bebida.

Por exemplo, na composição do Gin 743 da Zucchi Destilaria são adicionados: zimbro, semente de coentro, camomila, cardamomo, pimenta jamaica, alecrim, raiz de angélica, alcaçuz, capim limão, lírio, menta, casca de limão siciliano, amêndoas, noz moscada e laranja amarga. Um total de 15 botânicos.

“Em qualquer bebida, é importante avaliar a questão aromática. Caso sinta a volatilidade do álcool e um cheiro muito próximo de acetona ou vinagre, provavelmente ela não vai ser de boa qualidade. Já quando falamos especificamente do gin, não podemos confundir o aroma com um perfume porque isso é sinal de má seleção de botânicos”, destaca o master distiller da Zucchi Destilaria, Alberto Seibel.

O Gin 743 da Zucchi Destilaria foi o único destilado capixaba a passar pela aprovação dos membros da Academia Brasileira de Sommelier, que avaliaram 420 amostras. A bebida foi premiada com a medalha de prata na competição nacional ExpoCachaça 2021, que reconheceu a qualidade do produto da destilaria do Espírito Santo.

Mas não para por aí. O Gin 743 também venceu outras duas medalhas de prata em concursos pelo mundo. Uma no Spirits Selection by Concours Mondial de Bruxelles, na Bélgica, considerado o maior concurso de bebidas destiladas do mundo, e a outra no Word Gin Awards 2022 de Londres, na Inglaterra, na categoria London Dry Gin.

“Buscamos garantir um aroma equilibrado que deixe nosso produto mais floral. O objetivo sempre foi produzir com qualidade sem perigo do consumidor ficar com dor de cabeça ou mal-estar. Por isso, durante a elaboração adicionamos 15 botânicos em um trabalho quase todo artesanal e muito bem qualificado”, garante um dos proprietários da Zucchi Destilaria, Ronaldo Zucchi.

De acordo com Ronaldo, o feedback dos produtos da Zucchi tem sido muito positivo. A destilaria nasceu a partir de um desejo pessoal de unir sonhos com a vontade de executar um projeto que agregasse bons momentos na vida das pessoas.

De acordo com o chef de bar Lula, o aumento no consumo de gin começou entre 2016 e 2017.
De acordo com o chef de bar Lula, o aumento no consumo de gin começou entre 2016 e 2017. Crédito: Bruno Zamprogno

Por ser menos calórico, o gin entrou na moda nos últimos anos e hoje em dia é difícil não pensar nele quando falamos em drinques e coquetéis. “O aumento no consumo desse tipo de destilado começou entre 2016 e 2017. Antes ele não era tão apreciado porque é uma bebida bem característica com sabor e aroma marcante. Não é para se tomar puro, o ideal é misturar com sucos e refrigerantes”, explica o chef de bar Lula.

Pensando nisso, ele separou algumas receitas fáceis e rápidas de se fazer. Confira a seguir!

CHÁ DE FRUTAS VERMELHAS E HIBISCO 

  • 150 ml de água de coco
  • 50 ml de Gin 743 da Zucchi Destilaria
  • 25 ml de suco de limão
  • 15 ml de xarope de açúcar  
  • 1 sachê de chá de frutas vermelhas 
  • 5g de hibisco  
  • Cubos de gelo à vontade

Modo de preparo

Faça uma pequena infusão do suco de limão com o hibisco, chá de frutas vermelhas e o xarope de açúcar por alguns segundos. Coloque gelo à vontade e complete a taça com a dose de gin 743 da Zucchi Destilaria e água de coco.

TANGERINA E ESPUMANTE

  • 100 ml de espumante 
  • 50 ml de Gin 473 da Zucchi Destilaria 
  • 10 ml de redução de tangerina
  • Frutas secas em natura 
  • Água com gás 

Modo de preparo

Misture o espumante, a redução de tangerina e as frutas frescas com 50 ml do Gin 743 da Zucchi Destilaria e complete com água com gás.

LARANJA, LIMÃO E ESPUMA DE GENGIBRE

  • 70 ml de suco puro de limão 
  • 60 ml de Gin 743 da Zucchi Destilaria 
  • 10 ml de redução de laranja 
  • 4 folhas de hortelã 
  • Espuma de gengibre 

Modo de preparo

Adicione o suco de limão e a redução de laranja em uma coqueteleira e bata junto do Gin 743 da Zucchi Destilaria. Passe para uma taça de coquetel e complete com a espuma de gengibre e as folhas de hortelã.

ZUCCHI DESTILARIA

Instagram

WhatsApp

Facebook

Endereço

Rua São Pedro, 103 | Jardim Limoeiro | Serra | ES | 29164-042

Site

Este é um conteúdo de responsabilidade do anunciante.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.