ASSINE

Ex-secretário de Turismo de Piúma pede retratação do cantor Zé Felipe

Cantor postou vídeo relatando que um homem foi ao seu camarim e ameaçou não pagar o show, como teria feito com o pai dele, quando também se apresentou no município

Publicado em 25/02/2020 às 14h27
Atualizado em 25/02/2020 às 14h28
Cantor Zé Felipe faz show em Piúma e posta em redes sociais sobre possível não pagamento. Crédito: Redes Sociais
Cantor Zé Felipe faz show em Piúma e posta em redes sociais sobre possível não pagamento. Crédito: Redes Sociais

Após polêmica envolvendo o cantor Zé Felipe, que se apresentou em Piúma, no Litoral Sul do Espírito Santo, neste sábado (22), o ex-secretário de Turismo de Piúma, Weber Potratz, nega que o cachê do pai do músico, o também cantor Leonardo, não tenha sido pago pela cidade. Ele ainda pede que o cantor faça uma retratação da "acusação mentirosa".

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, Zé Felipe relata os fatos ocorridos nos bastidores do show, no camarim, onde estava um de seus amigos. No local chegou uma pessoa que ele não identifica no vídeo, e que informou que o cachê do músico não iria ser pago. "Ele disse que iria f. o pagamento ao Zé Felipe, assim como já tinha feito com o pai dele, o cantor Leonardo". A mensagem teve grande repercussão nas redes sociais.

Por nota, Weber Potratz desabafou: "Fiquei surpreso e achei muito estranho ao ver nas redes sociais que o filho do cantor Leonardo tenha feito isso, pois conforme comprovado pelo portal da transparência do Governo Federal, o show realizado em 2016, com recursos do Ministério do Turismo, foi devidamente pago. Está lá publicado para qualquer um ver", disse.

Na avaliação do ex-secretário de Turismo, que era o  responsável pela contratação do show do Leonardo, realizado em 2016, durante a Festa dos Pescadores, a fala de Zé Filipe "foi uma infelicidade muito grande". Ele acrescenta que ele foi "impulsionado maldosamente por pessoas de forma irresponsável para uma publicação tão equivocada".

Potratz ainda sugere ao músico que se retrate das afirmações: "Seria uma atitude de honestidade e grandeza por parte do filho do Leonardo, que da mesma forma que publicou tal acusação mentirosa, se retratasse com um pedido de desculpas pelo ocorrido engano", disse em nota.

Zé Felipe já havia se manifestado no dia seguinte ao show, explicando que foi o homem que ameaçou atrapalhar o pagamento, não tem relação com a administração municipal de Piúma.

A prefeitura de Piúma informou, por meio de nota oficial, que “os imprevistos mencionados não têm nenhuma relação com a gestão atual e nem com os secretários das pastas citadas e que todos os trâmites legais para a contratação do cantor foram executados corretamente e que a administração reitera o compromisso com o artista.”

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.