ASSINE

Resumo da CPI da Covid: saiba o que já ocorreu na comissão

Entrando em sua quarta semana de depoimentos, comissão instalada no Senado já ouviu oito testemunhas, incluindo ex-ministros da Saúde, o atual titular da pasta e representantes da Pfizer e Anvisa

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 24/05/2021 às 19h55
CPI da Covid, no Senado, está em sua 4ª semana de oitivas
CPI da Covid, no Senado, está em sua 4ª semana de oitivas. Crédito: Marcos Oliveira/Agência Senado

CPI da Covid, instalada no Senado para apurar as ações do governo federal no enfrentamento à pandemia de Covid-19, entra em sua quarta semana de depoimentos. As sabatinas do colegiado tornaram-se o centro das atenções de todos os brasileiros. Até o momento, oito testemunhas já foram ouvidas pela comissão, incluindo o atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, ex-titulares da pasta e representantes da Pfizer e da Anvisa. O vídeo abaixo reúne os principais fatos da CPI até agora:

ENTENDA A CPI

Formada por 11 titulares e sete suplentes, a CPI da Covid foi instada no Senado na segunda quinzena do mês de abril. Inicialmente com o objetivo de apurar as ações e possíveis omissões do governo federal no enfrentamento à pandemia, o colegiado teve seu escopo dilatado após movimentações de aliados do presidente Bolsonaro. Com isso, inclui em seu foco também a utilização de verbas federais enviadas a Estados e municípios para o combate à pandemia. 

Entre os 11 senadores titulares, quatro são aliados do presidente, dois são da oposição e outros cinco são considerados independentes, ou seja, não são próximos ao governo, mas também não são oposicionistas. Os trabalhos são coordenados pelo presidente, Osmar Aziz (PSD-SP), e têm como relator o senador Renan Calheiros (MDB-AL). 

Nas três primeiras semanas de depoimentos, foram ouvidos os três ex-ministros da Saúde que passaram pela pasta durante a pandemia: Luiz Henrique MandettaNelson Teich Eduardo Pazuello; o atual titular da pasta, Marcelo Queiroga; o ex-secretário de Comunicação da Presidência Fabio Wajngarten; o gerente-geral da Pfizer para a América Latina, Carlos Murillo; o diretor-presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres; e o ex-ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

Nesta terça-feira (25), os trabalhos da comissão terão continuidade com o depoimento da secretária de Gestão do Trabalho e Educação no Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.