ASSINE

Vídeo: trio rende cliente, funcionários e rouba celulares em loja de Vitória

Revoltado, o proprietário da loja contou que este é o terceiro assalto que ele sofre no intervalo de três meses

Publicado em 24/08/2021 às 12h55
Bandidos renderam cliente, funcionários e levaram as vítimas para o fundo da loja
Bandidos renderam cliente, funcionários e levaram as vítimas para o fundo da loja. Crédito: Reprodução/TV Gazeta

Mais uma loja de celular foi alvo de criminosos em Vitória. Desta vez, o assalto aconteceu no bairro Jardim Camburi, nesta terça-feira (24). Revoltado, o proprietário da loja contou à reportagem da TV Gazeta que este é o terceiro assalto que ele sofre no intervalo de três meses. Os dois primeiros foram na loja de Porto Canoa, na Serra, e agora na de Jardim Camburi.

Toda ação dos criminosos foi registrada por câmeras de segurança da loja. Três criminosos entram na loja e imediatamente já rendem as funcionárias. Um cliente estava no local e também foi rendido. Todas as vítimas foram levadas para o fundo da loja. Lá, os criminosos roubam os celulares e fazem uma verdadeira limpa no armário onde ficam os aparelhos que são vendidos na loja.

Os notebooks que ficavam no balcão da loja também foram roubados. A ação aconteceu por volta de 9h30 desta terça. No total, nove celulares foram levados da loja, além de quatro notebooks e uma alexa, que é um acessório de inteligência artificial. Além desse material, dois celulares de clientes e dois aparelhos de funcionários também foram levados.

O QUE DIZ A PM

A Polícia Militar foi acionada, via Ciodes, por uma pessoa que relatou ter recebido mensagem de uma funcionária informando que a loja estaria sendo assaltada. Imediatamente equipes prosseguiram para o local, porém os criminosos já haviam se evadido. Segundo informações colhidas no local, três homens armados invadiram o estabelecimento, anunciando o assalto. Foram levados quatro notebooks e aparelhos celulares.

Até o momento nenhum suspeito foi localizado. As vítimas foram orientadas a registrar a ocorrência em uma delegacia para devido registro dos fatos.

O QUE DIZ A POLÍCIA CIVIL

Em nota, a Polícia Civil informou que é necessário que o caso seja formalizado em uma delegacia para que haja investigação, e para verificar a tramitação é necessário que a demanda informe o número do boletim de ocorrência registrado pela vítima na delegacia. Caso não o possuam um boletim para que possamos localizar, segue a orientação:

A Polícia Civil orienta que as vítimas desse tipo de caso registrem a ocorrência podendo comparecer pessoalmente a uma delegacia ou realizar o registro por meio da Delegacia Online, https://delegaciaonline.sesp.es.gov.br , para que a Polícia Civil tome ciência do caso e inicie as investigações.

A população pode contribuir para o trabalho da Polícia de forma anônima através do Disque-Denúncia 181, que também possui um site onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas, o disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações são investigadas.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.