ASSINE
Oferecimento:
Modo de Visualização:

Vídeo: polícia encontra armas escondidas em teto de casa no ES

Foram encontradas nove armas que, segundo a Polícia Civil, são de um homem de 52 anos. As investigações apontam que ele comercializada os itens no Norte do ES

Linhares
Publicado em 04/10/2021 às 13h32
Vídeo: polícia encontra armas escondidas no teto de casa no ES. Crédito: Polícia Civil / Arte A Gazeta
Vídeo: polícia encontra armas escondidas no teto de casa no ES. Crédito: Polícia Civil / Arte A Gazeta

Polícia Civil encontrou armas escondidas no teto de uma residência, em Rio Bananal, no Norte do Espírito Santo, durante a Operação Asfixia. A ação ocorreu na sexta-feira (1º) e as informações foram divulgadas pela corporação na manhã desta segunda-feira (4). Um homem de 52 anos foi preso suspeito de vender armas no Norte do Estado

Foram encontradas nove armas que, segundo a Polícia Civil, são do homem de 52 anos, que não teve o nome divulgado. As investigações apontam que ele era um dos principais fornecedores de armamento para as cidades do Norte do Estado. Além de comercializar as armas, ele ainda reformava munições, fazendo com que as já deflagradas voltassem a ser usadas. Confira a apreensão no vídeo abaixo:

Polícia encontra arma em teto de casa no ES

OPERAÇÃO ASFIXIA 

A Operação Asfixia visa coibir o comércio ilegal de arma de fogo no Norte do Estado. A ação foi deflagrada por meio da Delegacia de Jaguaré e da Delegacia Especializada de Armas e Munições (Desarme).

As duas primeiras fases da ação, deflagradas em maio e agosto deste ano, resultaram na prisão de dez pessoas e na apreensão de 15 armas de fogo e mais de 500 munições. Com o homem de 52 anos preso na sexta-feira (1º) foram encontradas nove armas, fazendo o número total de todas as etapas da operação subir para 24.

De acordo com a titular da Delegacia de Polícia (DP) de Jaguaré, delegada Gabriella Zaché, as investigações começaram no início de 2021, a partir da percepção da polícia sobre o aumento de crimes na cidade e do poderio de fogo dos envolvidos:

"Essa investigação começou no início do ano e visava coibir o comércio de armas em Jaguaré, porque a gente passou a observar os crimes de homicídio, os autores tinham grande poder de fogo. A partir daí, a gente passou a investigar quem estava fornecendo essas armas, foram presas quatro pessoas em agosto, seis em maio e, dessa vez, em Rio Bananal, esse homem que estava fornecendo armas para Jaguaré a autores de homicídio”, explicou. 

Mercado ilegal: suspeito de vender armas no Norte do ES é preso
Mercado ilegal: suspeito de vender armas no Norte do ES é preso. Crédito: Polícia Civil

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.