ASSINE

Mulher é morta a facadas pelo companheiro em São Gabriel da Palha

Um homem de 39 anos, companheiro de Paula Almeida da Silva Chiabai, 43, foi preso na manhã desta quinta-feira (26) após se apresentar à polícia e confessar o feminicídio

Colatina / Rede Gazeta
Publicado em 26/08/2021 às 17h32
Paula Almeida da Silva Chiabai, 43 anos, foi morta em São Gabriel da Palha
Paula Almeida da Silva Chiabai, de 43 anos, foi assassinada em São Gabriel da Palha . Crédito: Redes Sociais

Uma mulher foi assassinada a facadas no bairro Santa Cecília, em São Gabriel da Palha, no Noroeste do Espírito Santo, na noite desta quarta-feira (26). Um homem de 39 anos, companheiro da vítima — identificada como Paula Almeida da Silva Chiabai, de 43 anos — foi preso na manhã desta quinta-feira (26) após se apresentar à polícia e confessar o feminicídio. O nome do suspeito não foi informado.

Segundo o delegado Rafael Caliman, responsável pelo caso, as investigações mostraram que o casal iniciou uma discussão em um espetinho na cidade, na noite desta quarta-feira.

O suspeito relatou à polícia que, durante a confusão, acabou deixando o celular na mesa em que ele estava com Paula e ela levou o aparelho para casa. Apesar de serem companheiros, os dois viviam em casas diferentes. Quando deu falta do telefone, o homem à residência da vítima para buscá-lo.

De acordo com o delegado, o suspeito contou que a briga entre o casal continuou na casa de sua companheira e que, em certo momento, Paula pegou uma faca e colocou em seu pescoço, dizendo que o mataria. A vítima, segundo relato do homem, teria desferido golpes no braço no peito dele. À polícia, o companheiro da mulher disse que conseguiu pegar a faca que estava com ela e acabou cometendo o crime.

Mulher foi morta com golpes de faca dentro da própria casa
Mulher foi morta com golpes de faca dentro da própria casa . Crédito: Polícia Civil/ Divulgação

Na manhã desta quinta-feira, o homem se apresentou na sede da 3ª Companhia do 2º Batalhão da Polícia Militar, de onde foi conduzido para um hospital e, em seguida, foi encaminhado à Delegacia de São Gabriel da Palha.

O delegado Rafael Caliman explicou que testemunhas contaram à polícia que, depois da briga, o homem ficou furioso e chegou a dizer que mataria a companheira. “O relacionamento dos dois, ao que tudo indica, era meio conturbado e marcado por discussões e brigas”, disse.

Caliman informou que o suspeito foi autuado por feminicídio e será encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Domingos do Norte.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.