ASSINE

Mulher é assassinada a tiros na rua pelo marido durante discussão em Cachoeiro

Keila de Souza Oliveira, 36 anos, foi atingida por quatro tiros. Lucimar de Souza Ramos  tentou tirar a própria vida, mas foi socorrido

Publicado em 03/04/2021 às 14h45
Atualizado em 03/04/2021 às 14h45
Keila Ramos Machado foi assassinada a tiros pelo marido Lucimar de Souza Oliveira
Keila Ramos Machado foi assassinada a tiros pelo marido Lucimar de Souza Oliveira. Crédito: Reprodução/TV Gazeta

Uma mulher de 36 anos foi assassinada na noite desta sexta-feira (2) em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo. De acordo com testemunhas do crime, Keila de Souza Oliveira foi atingida por quatro tiros disparados pelo marido, identificado como Lucimar de Souza Ramos, que também tem 36 anos.

Em seguida, o homem tentou tirar a própria vida, mas não morreu. Familiares contaram que ele já havia ameaçado a mulher de morte outras vezes.

O crime ocorreu em uma calçada durante uma discussão entre o casal. Tanto Keila quanto Lucimar foram socorridos e levados para a Santa Casa de Cachoeiro de Itapemirim. No entanto, Keila morreu após dar entrada no hospital. Já Lucimar, permanece internado e seu estado de saúde não foi divulgado.

Familiares de keila disseram que o relacionamento dela com Lucimar sempre foi conturbado e que o casal discutia com frequência. O marido, inclusive, já havia ameaçado a esposa de morte, motivo pelo qual a família insistia para que Keila saísse da casa onde morava com ele.

O crime foi registrado na Delegacia Regional de Cachoeiro de Itapemirim. A Polícia Civil informou que Lucimar foi autuado em flagrante por homicídio qualificado por motivo torpe, com impossibilidade de defesa da vítima e feminicídio.

Assim que receber alta médica ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim. O procedimento será encaminhado à Justiça com o pedido de conversão da prisão em flagrante para preventiva.

A Polícia Civil também informou que não teve acesso ao boletim médico para saber o estado de saúde de Lucimar.

Com informações do G1ES

ões 

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.