ASSINE

Dupla é presa após invadir loja e furtar carnes nobres em Vila Velha

Os suspeitos foram detidos pela Guarda Municipal na madrugada desta quinta-feira (23) e não disseram se iriam revender ou comer a carne furtada

Tempo de leitura: 2min
Vitória
Publicado em 23/06/2022 às 07h55
Dupla foi presa depois de invadir loja e roubar carnes em Vila Velha
Dupla foi presa depois de invadir loja e roubar carnes em Vila Velha. Crédito: Divulgação/GMVV

Dois homens foram presos depois de invadirem uma loja de carnes no bairro Praia da Costa, em Vila Velha e furtarem peças nobres. O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira (23) e os suspeitos, que foram detidos pela Guarda Municipal, não disseram se iriam comer ou revender a carne furtada.

Câmeras de videomonitoramento flagraram o momento em que a dupla arromba e invade a loja. Nas imagens, obtidas por A Gazeta, é possível ver que um dos suspeitos permanece do lado de fora do estabelecimento, enquanto o outro entra e vai em direção ao freezer. Em seguida, é possível ver a dupla fugindo e, logo depois, uma viatura da Guarda Municipal aparece. Veja abaixo:

Sem gravar entrevista, o proprietário do estabelecimento contou que, quando acionou a Guarda Municipal, os suspeitos ainda estavam na loja de carnes. O subinspetor Siqueira contou que, assim que a equipe da guarda chegou, a dupla tentou fugir.

"Quando a gente chegou tinha dois indivíduos, um do lado de fora e um do lado de dentro, trazendo a mercadoria para este que estava do lado de fora. Eles empreenderam fuga e nós conseguimos obter êxito na apreensão dos dois", disse, em entrevista à repórter Daniela Carla, da TV Gazeta.

Segundo o subinspetor, um dos suspeitos estava segurando uma garrafa de vinho, que caiu e quebrou no momento da fuga. Este, de acordo com Siqueira, foi o único prejuízo do proprietário. Ele contou ainda que o homem que estava do lado de fora da loja tinha uma bolsa, na qual foram colocadas as carnes furtadas.

O subinspetor acrescentou que os suspeitos possuem 31 e 40 anos de idade e que não são do Espírito Santo, um é de Minas Gerais e outro do Piauí. Eles não disseram se estavam furtando a carne para revender ou para comer.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.