ASSINE

Obras da Suzano vão criar 1.100 empregos em Aracruz e Cachoeiro de Itapemirim

Cerca de 900 vagas serão para a modernização e para a construção de fábrica de papel no Sul.  Outras 200 serão na operação da nova indústria

Publicado em 19/12/2019 às 10h44
Atualizado em 19/12/2019 às 12h52
Vista aérea da unidade da Suzano em Aracruz. Crédito: Divulgação
Vista aérea da unidade da Suzano em Aracruz. Crédito: Divulgação

O investimento de R$ 933,4 milhões que a Suzano fará no Espírito Santo vai abrir 1.100 vagas de empregos. Serão 500 postos de trabalho em Cachoeiro de Itapemirim para a construção e operação de uma fábrica de papel, além de 300 vagas em Aracruz  mais 300 para a base florestal (locais não especificados).

Em Cachoeiro, serão 300 contratações durante a construção da indústria que fará papel higiênico e papel toalha. Após a conclusão das obras, a nova companhia vai empregar 200 pessoas na produção. Em um primeiro momento, serão contratados profissionais que vão atuar na terraplanagem e construção da nova usina. Depois de pronta, serão selecionados profissionais técnicos, operadores e engenheiros. 

Já em Aracruz, as 300 chances são para as obras de modernização das usinas de celulose. As oportunidades serão para profissionais de manutenção e operação.

Haverá ainda a geração de 300 postos de trabalho na expansão da base florestal no Estado. Para  esta etapa, haverá vagas para engenheiro florestal e para áreas de colheita, plantio, preparação da cultura, entre outros. De acordo com informações da Suzano, para as obras será priorizada a mão de obra local.  Ainda não foi divulgada a forma de contratação desses profissionais.

O recrutamento dos profissões que vão depois atuar na operação da nova fábrica deve iniciar cinco meses antes dos inícios das atividades da nova indústria. Os empregados devem passar por treinamentos.

A Gazeta integra o

Saiba mais
aracruz cachoeiro de itapemirim suzano celulose aracruz

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.