ASSINE

Vídeo: casal é resgatado após ficar 6h à deriva em Marataízes

Segundo as informações do Notaer, o barco do casal virou e os dois ficaram agarrados em coletes salva-vidas, esperando o socorro chegar

Tempo de leitura: 2min
Publicado em 03/01/2022 às 20h55

Uma mulher de 56 anos e um homem de 60 ficaram à deriva por cerca de seis horas após o barco de pesca do casal apresentar problemas mecânicos. Eles foram localizados por um helicóptero do Núcleo de Operações e Transporte Aéreo (Notaer), na tarde desta segunda-feira (3), em Marataízes, no Litoral Sul do Espírito Santo.

A equipe de serviço do Notaer foi acionada pela Capitania dos Portos para realizar buscas por uma embarcação à deriva no mar. Segundo as informações do núcleo, o casal havia saído do litoral de Marataízes para pescar por volta das 9h desta segunda (3).

Logo após, a embarcação apresentou problemas mecânicos. “Eles chegaram a pedir socorro à Capitania, via rádio, mas até que o socorro chegasse o barco deles acabou virando e os dois ficaram agarrados em coletes salva-vidas”, comunicou o Notaer.

A equipe do Notaer, então, seguiu para a região e realizou sobrevoos desde o "ponto zero" – local onde a embarcação estava quando o casal pediu socorro – até a foz do Rio Itabapoana, que marca a divisa entre o Espírito Santo e o Rio de Janeiro. “No retorno, nossa tripulação localizou o casal”, informou.

Segundo o piloto e assessor de Comunicação do Notaer, Major Pablo Angely Marques Coimbra, o casal ficou à deriva no mar por, aproximadamente, seis horas. “Por volta de 9h30 foi o horário do pedido de socorro, antes do barco virar. E 15h30 foi quando os dois foram localizados na água”, disse.

RESGATE

Uma embarcação de populares estava ajudando nas buscas. O Notaer, ao perceber que o transporte marítimo estava se aproximando da mulher e do homem que precisavam de resgate, orientou, via rádio, que retirassem eles da água.

Em seguida, num ponto a cerca de 5 milhas náuticas da costa (aproximadamente 9 quilômetros), a equipe voou até a praia para solicitar o acionamento de equipes médicas. Agentes da Guarda Municipal de Marataízes, dos guarda-vidas locais e do Corpo de Bombeiros prestaram assistência e ajudaram no isolamento do local.

Segundo o Notaer, as vítimas estavam bem. “O casal estava lúcido, mas bastante debilitado em virtude do sol e da situação extrema pela qual passaram”, pronunciou. O homem e a mulher foram entregues às equipes médicas na praia e encaminhados para o hospital da região.

Casal fica à deriva do mar após barco de pesca apresentar problemas em Marataízes

Casal é resgatado após a embarcação de pesca apresentar problemas mecânicos em Marataízes
undefined. Notaer
Casal é resgatado após a embarcação de pesca apresentar problemas mecânicos em Marataízes
undefined. Notaer
Casal é resgatado após a embarcação de pesca apresentar problemas mecânicos em Marataízes
undefined. Notaer
Casal é resgatado após a embarcação de pesca apresentar problemas mecânicos em Marataízes
undefined. Notaer
Casal é resgatado após a embarcação de pesca apresentar problemas mecânicos em Marataízes
undefined. Notaer
Casal é resgatado após a embarcação de pesca apresentar problemas mecânicos em Marataízes
undefined. Notaer
Casal é resgatado após a embarcação de pesca apresentar problemas mecânicos em Marataízes
undefined. Notaer
undefined
undefined
undefined
undefined
undefined
undefined
undefined

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.