ASSINE

Sete ou cinco dias: entenda novas regras para quarentena de Covid no Brasil

O Ministério da Saúde decidiu reduzir o tempo de isolamento de pessoas com Covid no Brasil. A recomendação agora é de isolamento de sete a dez dias para pessoas que apresentem sintomas e de cinco a sete dias para os assintomáticos

Tempo de leitura: 3min

O Ministério da Saúde decidiu reduzir o tempo de isolamento de pessoas com Covid no Brasil. A recomendação agora é de isolamento de sete a dez dias para pessoas que apresentem sintomas e de cinco a sete dias para os assintomáticos.

A indicação do Ministério da Saúde é que a pessoa assintomática fique em casa no mínimo cinco dias em isolamento. Após esse tempo ela deve ser testada. Com o teste positivo, deve ficar em isolamento até o 10° dia.

Não é necessário testar os assintomáticos, porém, para sair do isolamento após o sétimo dia.

Pessoa em isolamento por conta do coronavírus: a melhor solução para prevenir o avanço da doença
Pessoa em isolamento por conta do coronavírus: a melhor solução para prevenir o avanço da doença. Crédito: Divulgação

Já para os sintomáticos, o isolamento é de no mínimo sete dias. A pessoa precisa ser testada ao final do período. Caso o resultado seja negativo, ela pode sair do isolamento. Com o resultado positivo, ela deve permanecer em isolamento até o décimo dia.

“No geral, são sete dias de isolamento. Reduz para cinco dias se no quinto dia, a pessoa não estiver com sintomas e testar negativo para a COVID-19. É preciso estar negativada para a doença”, esclareceu o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes.

“Agora, se no sétimo dia de isolamento ela ainda apresentar sintomas, o isolamento aumenta para 10 dias”, explicou.

"Nosso isolamento é de no mínimo sete dias. Entretanto, se no quinto dia completo o paciente estiver sem sintoma, sem sintoma respiratório, sem febre e sem uso de medicamento antitérmico há pelo menos 24 horas, pode testar no quinto dia", disse Arnaldo Medeiros, secretário de Vigilância da Saúde do Ministério da Saúde.

Medeiros disse que as pessoas que saírem do isolamento antes do 10° dia devem manter algumas recomendações adicionais, como evitar viagens, contato com pessoas com comorbidade.

"[A pessoa deve] manter as recomendações adicionais até o 10° dia, como evitar aglomerações, contatos com pessoas com comorbidade, uso das medidas não farmacológicas até o 10° dia para ficar tranquilo", disse.

AS ORIENTAÇÕES DO MINISTÉRIO DA SAÚDE

Isolamento de 5 dias

  • Sem sintomas: ao quinto dia, se o paciente estiver sem sintomas respiratórios, sem febre e sem uso de medicamentos antitérmicos, por ao menos 24 horas
  • Testagem: no quinto dia com RT-PCR ou TR-Ag
  • Resultado negativo: sair do isolamento após cinco dias completos e manter as recomendações até o décimo dia
  • Resultado positivo: manter o isolamento até dez dias completos

Isolamento de 7 dias

  • Sem sintomas: ao sétimo dia, se o caso estiver sem sintomas respiratórios, sem febre e sem uso de medicamentos antitérmicos, por ao menos 24 horas
  • Testagem: não é necessário testar para sair do isolamento
  • Fim do isolamento: sair do isolamento após sete dias completos e manter as recomendações até o décimo dia

Isolamento de 7 dias

  • Com sintomas: As pessoas sintomáticas que não tiverem no sétimo dia sintomas respiratórios, febre e não fizer o uso de medicamentos antitérmicos, por ao menos 24 horas
  • Testagem com RT-PCR ou TR-Ag: com resultado positivo do teste, manter o isolamento até o décimo dia

Isolamento de 10 dias

  • Sem sintomas: ao décimo dia, se o caso estiver sem sintomas respiratórios, sem febre e sem uso de medicamentos antitérmicos, por ao menos 24 horas
  • Não é necessário testar para sair do isolamento
  • Sair do isolamento no décimo dia e manter as medidas não farmacológicas

Fonte: Ministério da Saúde

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.