Projeto arrecada computadores novos ou usados para ceder a alunos da Ufes

Voltado para estudantes em situação de vulnerabilidade econômica e social, o projeto arrecada ainda tablets e notebooks novos ou usados – desde que estejam em boas condições – e aceita doação em dinheiro, que é revertido para a compra dos eletrônicos

Publicado em 02/10/2020 às 11h17
Atualizado em 02/10/2020 às 11h17
computador
Projeto ajuda a arrecadar computadores para alunos da UFES que não têm condições de comprar o dispositivo eletrônico . Crédito: Vojtech Okenka/ Pexels

O projeto de extensão Solidariedade Digital promove uma campanha de doações de equipamentos de informática aos estudantes da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) que se encontram em situação de vulnerabilidade econômica e social. Além de computadores, o projeto arrecada ainda tablets e notebooks novos ou usados – desde que estejam em boas condições – e aceita doação em dinheiro, que é revertido para a compra dos eletrônicos.

Trata-se de uma realização da Pró-reitoria de Extensão da Ufes, que viu a necessidade de ajudar os universitários com dificuldade de acessar o ensino remoto em meio à pandemia do novo coronavírus. Segundo o pró-reitor de Extensão e responsável pela ação, Renato Neto, o objetivo é estimular a inclusão digital dos estudantes e “sensibilizar a comunidade externa e interna da universidade para que ocorram doações”, diz.

O cenário de distanciamento social agrava mais ainda a desigualdade social. De acordo com Neto, a universidade tem cerca de 6.800 alunos cadastrados na Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis e Cidadania, os quais vivem com até um salário e meio mínimo por mês. “Grande parte desses alunos não tinham e ainda não têm condições de arcar com um computador, pagar internet”, conta o pró-reitor. Por isso, há a necessidade de ter um projeto que busque soluções de ensino como esse, de forma a complementar outras ações já realizadas.

As doações podem ser feitas tanto por pessoas físicas quanto por empresas. Alguns computadores já foram arrecadados e estão sendo entregues aos alunos necessitados. Entretanto, a quantidade não é suficiente. Para atender todos os que precisam dos dispositivos eletrônicos, Renato Neto faz um convite para que as pessoas colaborem com a ação. “A gente convida a comunidade externa para fazer esse tipo de doação a todos os alunos da universidade que não têm condição de ter um computador”, diz o responsável pelo projeto Solidariedade Digital.

Para mais informações, ele pede que os interessados entrem em contato com [email protected]

UFES Coronavírus Coronavírus no ES solidariedade Pandemia

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.