ASSINE

Passageiros elogiam integração dos ônibus do Transcol com os de Vitória

No primeiro dia efetivo da integração entre os coletivos do Sistema Transcol e dos municipais de Vitória, os usuários mostraram-se satisfeitos, visto que pagam apenas um só bilhete por mais de uma viagem

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 10/05/2021 às 12h52
Integração
Nesta segunda-feira (10), a integração entre os ônibus do Transcol e do sistema municipal de Vitória começou a operar . Crédito: Ricardo Medeiros

A segunda-feira (10) começou diferente para as pessoas que necessitam utilizar o transporte público na Grande Vitória. Se antes os usuários do Sistema Transcol e dos municipais precisavam pagar duas ou mais passagens a cada viagem, com a integração da operação, essa cobrança duplicada é coisa do passado. No primeiro dia da integração dos ônibus do Transcol com os municipais de Vitória, os passageiros elogiaram a medida.

Pagando apenas uma passagem, respeitando as regras para as limitações de horários e itinerários, o usuário consegue trocar de ônibus, tanto em linhas do Transcol como nas municipais de Vitória, sem a necessidade de pagar por outra viagem, o que gera economia ao cidadão. Vale destacar que neste primeiro momento a integração está disponível apenas entre o Transcol e os "verdinhos", que circulam na Capital.  O passageiro que já utiliza, diariamente, o coletivo de Vitória e o Transcol precisará pagar apenas uma passagem para realizar todo seu trajeto, no valor de R$ 4

REGRAS DA INTERAÇÃO

  • 30 minutos: O passageiro de uma linha alimentadora de Vitória (que circula no bairro) terá 30 minutos para embarcar gratuitamente em uma linha troncal (o Transcol que vai para outro município da Grande Vitória). 

  • 1 hora: O passageiro de uma linha troncal (o Transcol que vai para outro município da Grande Vitória) terá 1 hora para embarcar gratuitamente em uma linha alimentadora de Vitória (que circula nos bairros). 

  • 1h30: O passageiro de uma linha alimentadora de Vitória (que circula no bairro) terá 1h30 para embarcar gratuitamente em uma das linhas de terminais (o Transcol que vai de um terminal ao outro na Grande Vitória). São as linhas das famílias dos 600, 700, 800 e 900. 

  • Vale ressaltar que o tempo começa a contar quando o passageiro passa o cartão GV no primeiro embarque. Caso o tempo extrapole, o usuário terá que pagar a segunda passagem.

PASSAGEIROS SATISFEITOS

O que se viu nas ruas neste primeiro dia de funcionamento foi uma ótima receptividade por parte dos usuários. Ainda que não tenha feito a integração (do Transcol para o "verdinho"), o pintor Hélio da Costa Moreira, morador de Santo Antônio, em Vitória, mostrou-se satisfeito com a economia que terá em breve, visto os constantes deslocamentos que precisa fazer por conta do trabalho.

Integração
O pintor Hélio da Costa Moreira espera economizar com a integração entre os sistemas que operam na Grande Vitória. Crédito: Ricardo Medeiros

"Com certeza (ficou melhor). Vai gerar mais economia. Ainda não fiz (a integração), mas vai ajudar porque também trabalho em locais mais distantes, como Campo Grande (Cariacica), em Vila Velha e precisava pagar mais passagens", disse.

A autônoma Michelle Gama, que depende do transporte público para se deslocar no trabalho, comemorou a união das frotas e a economia financeira e de tempo que terá com a unificação. "Vai fazer muita diferença porque é muito dinheiro, ainda mais nesta situação que a gente está vivendo por conta da pandemia. Ajuda, sim. Muito! Principalmente o microempreendedor", disse ela.

Outra novidade na integração foi o fato de alguns coletivos do Transcol já rodarem com os prefixos e itinerários das linhas municipais de Vitória. A novidade também agradou aos usuários, caso da recepcionista Amanda Celestino.

Vitória
A recepcionista Amanda Celestino aprovou a integração no primeiro dia de operação em Vitória. Crédito: Reprodução/TV Gazeta

"Para mim é meio que a mesma coisa o trajeto, mas não tenho que pegar dois ônibus. Então ficou mais o conforto mesmo no meu caso", contou a jovem. 

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.