ASSINE

Incêndio em apartamento de Vitória acende alerta para cuidados com parte elétrica

Planejamento da instalação elétrica é fundamental para evitar sobrecarga e outros danos no imóvel

Publicado em 21/10/2020 às 10h13
Disjuntor é parte fundamental do planejamento da instalação elétrica
Disjuntor é parte fundamental do planejamento da instalação elétrica. Crédito: Reprodução / TV Gazeta

O incêndio que atingiu um apartamento em um prédio na Praia do Canto e vitimou uma criança de quatro anos tem como uma das suspeitas da origem do fogo a parte elétrica, segundo os bombeiros. Isso acende um alerta sobre os cuidados a serem tomados nas residências com a instalação de todos os tipos de equipamentos que demandam energia. Por isso, uma especialista dá dicas do que fazer para que não haja problemas com a parte elétrica de imóveis.

Em entrevista ao programa Bom Dia Espírito Santo, da TV Gazeta, a presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do ES, Liane Destéfani, destacou a necessidade de um planejamento para uma boa instalação elétrica.

“A primeira parte de uma boa instalação elétrica é o planejamento. Entender quantos equipamentos são necessários no ambiente e quanto de carga a gente precisa nessa instalação. Então, a gente precisa entender quantas tomadas e quantos equipamentos para projetar as instalações no ambiente. E não sobrecarregar tomadas e fiação que possam estar neste espaço. Então, é contratar um profissional arquiteto ou engenheiro para calcular muito bem essas instalações”, destacou.

Presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do ES, Liane Destefani (à esquerda), em entrevista à TV Gazeta
Presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do ES, Liane Destefani (à esquerda), em entrevista à TV Gazeta. Crédito: Reprodução / TV Gazeta

PERIGOS

Não ter um planejamento pode ser perigoso para a estrutura com a possibilidade de sobrecargas e, principalmente, o que ela pode causar. No caso de fios antigos ou desencapados, e até mesmo carregadores de celulares ligados na tomada sem uso, a especialista faz um alerta.

“A fiação elétrica leva uma carga muito alta e, com um toque de fios desencapados, ela pode gerar faíscas, que levam a um incêndio. Ou até mesmo a sobrecarga de equipamentos como adaptadores, fontes ou espetos de muitas tomadas. Por exemplo, a tomada do celular carregando é um risco, porque aquele equipamento está sugando uma carga elétrica e não está levando a lugar nenhum. Uma hora ele pode superaquecer e esse superaquecimento pode danificar o equipamento ou gerar um incêndio”, explicou.

AR-CONDICIONADO

Outro fator importante lembrado pela profissional são os aparelhos de ar-condicionado. Em caso de troca do equipamento, deve-se checar as instalações para o novo, a fim de evitar sobrecargas ou outros danos na parte elétrica.

“Muitas vezes as pessoas substituem um aparelho de ar-condicionado e não fazem a substituição da instalação elétrica que seja adequada para aquele aparelho. Porque a gente tem muitos edifícios antigos, que tinham sistemas antigos de climatização. E hoje os sistemas são mais novos, mas solicitam uma carga diferenciada. É preciso projetar isso e instalar corretamente de acordo com a necessidade do aparelho”, disse.

DISJUNTOR

Outra parte fundamental do sistema elétrico destacado pela profissional é o disjuntor. Segundo Liane, o quadro é importante para a segurança do imóvel, visto que ele é projetado para desarmar em casos de sobrecarga, protegendo as pessoas e os equipamentos.

“A caixa de disjuntores tem que ser bem organizada, com a setorização de todos os circuitos elétricos. E é um sistema de segurança, pois caso haja uma sobrecarga ele vai desarmar e proteger tanto equipamentos quanto às pessoas. Então, é parte importante do sistema elétrico e precisa se projetar e executar de maneira correta”, completou.

energia elétrica

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.