ASSINE

Gripe: vacinação para professores e idosos começa segunda-feira (10) no ES

Quem já recebeu a vacina contra a Covid-19 precisa aguardar pelo menos 14 dias para tomar o imunizante contra a Influenza

Aplicação de vacina
Vacina contra a gripe também é importante para a imunização da população. Crédito: Pixabay

A Campanha de Vacinação Contra a Influenza, o vírus da gripe, começará a atender ao segundo grupo prioritário na próxima segunda-feira (10). O público são profissionais da educação e pessoas com mais de 60 anos.  A vacina contra a gripe é fornecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e protege contra os vírus influenza A (H1N1) e duas variantes dele, influenza A (H3N2) e influenza B (subtipo Brisbane). A campanha já acontece há 23 anos.

Desde o dia 12 de abril, estão sendo imunizadas crianças de 6 meses a 6 anos incompletos, grávidas, puérperas (mães que tiveram filho recentemente), indígenas e profissionais da saúde. Porém, a adesão não tem sido nada boa. 

Apesar da oportunidade da vacinação gratuita,  muita gente não procurou o sistema de saúde da sua cidade para tomar a dose do imunizante. Até agora, apenas 160 mil capixabas desse público foram vacinados, o equivalente a 10,9% da população capixaba, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa).

"Sei que estamos focados na vacina contra a Covid-19, mas não podemos deixar de lado essa estratégia de saúde usada desde 1999 para evitar casos graves e mortes de doentes por influenza. Os municípios estão adotando estratégias e protocolos para receber as pessoas sem aglomerações e com segurança", pontuou  Danielle Grillo, coordenadora do Programa Estadual de Imunizações.

O público com a menor cobertura é o infantil, com 127.060 meninos e meninas imunizadas no Estado. 

"Isso é preocupante. Não podemos fazer busca ativa em escolas (fazer aplicações no colégio) pois elas não estão funcionando devido à pandemia. Esse público precisa que os responsáveis os levem para a unidade de saúde para receber a dose. As complicações da Influenza podem matar crianças", enfatizou  a coordenadora. 

Danielle lembrou que a época do ano em que a gripe Influenza mais atinge pessoas  está se aproximando e, se não houver uma boa cobertura vacinal da população, isso pode gerar uma sobrecarga ao sistema de saúde para atender aos doentes e também os pacientes com Covid-19. 

COVID-19

Para quem já recebeu a vacina contra a Covid-19, Danielle Grillo chama a atenção para a necessidade de aguardar pelo menos 14 dias para tomar o imunizante contra a Influenza.  Isso vale tanto se for a primeira ou a segunda dose de proteção contra o coronavírus. 

"Para as vacinas contra a Covid-19 ainda não há estudos sobre a administração simultânea com outras vacinas, por isso, a pessoa deve esperar 14 dias para tomar o imunizante da Influenza. No entanto, a vacina da gripe já é possível juntar com outras vacinas, então, quando for tomá-la leve a caderneta de vacinação para atualizá-la", pontuou a coordenadora.   

A Campanha da Gripe também terá uma terceira fase, que começa em 9 de junho, quando o público alvo serão trabalhadores de portos, aeroportos, motoristas de transportes  e profissionais do sistema penitenciário. 

GRANDE VITÓRIA

As cidades da Grande Vitória estão tentando acelerar, ao máximo, as aplicações do grupo da fase um da campanha da Influenza. Mas Cariacica é a única cidade da região que já está com a programação para iniciar, efetivamente, a vacinação de idosos e professores na próxima segunda-feira (10). Na cidade, 13.538 pessoas receberam a dose do imunizante. A vacinação do primeiro grupo continua durante toda a campanha.

Em Viana, 4.290 habitantes foram imunizadas contra a gripe e a marcação de data e horário está sendo realizada presencialmente nas unidades de saúde de Marcílio de Noronha, Viana Sede, Vila Bethânia e Jucu.

Para quem mora na Serra, é preciso ficar atendo ao site da prefeitura, pois nesta quinta-feira (6) haviam ainda 2 mil doses disponíveis. No município com a maior população do Espírito Santo, apenas 15.654 moradores foram imunizados.  Na Capital, são pouco mais de 18 mil crianças, gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde protegidos contra a gripe. 

Com a segunda maior população da região metropolitana, Vila Velha vacinou apenas 7.524 doses do imunizante contra gripe. 

Veja onde e como se vacinar:

VILA VELHA

  • Data: será aberto no final de semana, sendo que a data precisa e o horário serão definidos nesta sexta-feira (6);
  • Agendamento: no site da prefeitura de Vila Velha.
  • Locais:  neste final de semana será nas Unidades Básicas de Saúde do Ibes, Terra Vermelha, Vila Nova, Ulisses Guimarães e Ponta da Fruta.

VIANA

  • Data: de segunda a sexta-feira de 8h às 16h.
  • Agendamento:  presencial nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Marcílio de Noronha, Viana Sede, Vila Bethânia ou Jucu.
  • Locais:  Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Marcílio de Noronha, Viana Sede, Vila Bethânia e Jucu.

VITÓRIA

  • Data: sábado (8) com horário ainda não definido.
  • Agendamento:  site da prefeitura de Vitória.
  • Locais: nas unidades básicas de saúde do município. 

CARIACICA

SERRA

Espírito Santo espírito santo gripe Vacina contra gripe

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.