ASSINE

Governador inaugura mais leitos em hospitais da Grande Vitória

O Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória recebeu mais 28 leitos de enfermaria e 10 de UTI para urgência e emergência. Já no Dório Silva, foram abertos mais 10 leitos de UTI exclusivos para o tratamento da Covid-19

Publicado em 18/06/2020 às 12h58
Atualizado em 18/06/2020 às 14h33
Serra - ES - Hospital Dório Silva
Hospital Dório Silva, na Serra, está recebendo mais 10 leitos de UTI exclusivos para a Covid-19. Crédito: Vitor Jubini

Com o objetivo de evitar o colapso e a falta de estrutura de atendimento na rede estadual de saúde durante a pandemia do novo coronavírus, o governo do Estado abriu mais leitos de enfermaria e de UTI em hospitais da Grande Vitória. Nesta quinta-feira (18), o governador Renato Casagrande esteve no Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória, na Capital, e no Hospital Dório Silva, na Serra, inaugurando mais unidades de internação.

Na Santa Casa, foram inaugurados 28 leitos de enfermaria e 10 leitos de UTI. Estes serão destinados para pacientes que necessitem da rede de urgência e emergência, mas não exclusivos ao Covid-19. Segundo Casagrande, com isso, pacientes com outras doenças serão encaminhados para lá, abrindo vagas em hospitais que receberão mais leitos exclusivos para o tratamento da Covid-19.

“Vamos transferir pacientes de urgência e emergência de outras enfermidades que estão no Dório Silva na Serra, por exemplo, aqui para a Santa Casa, e nós vamos abrir leitos de enfermaria e UTI para Covid lá no Dório”, explicou. Veja vídeo dos anúncios:

Ainda de acordo com o governador, a ampliação continuará na Santa Casa nas próximas semanas, com a abertura de mais 10 leitos de UTI para urgência e emergência e outros cinco leitos de UTI exclusivos para a Covid-19.

Já no Dório Silva, na Serra, o governador anunciou a abertura de mais 10 leitos de UTI exclusivos para o tratamento da Covid-19. Segundo Casagrande, com a transferência de pacientes para outros hospitais, uma maior estrutura voltada para o combate ao coronavírus está sendo instalada no local.

“No início de julho, teremos mais 15 leitos semi intensivos aqui no Dório. E com a transferência de pacientes para a Santa Casa de Vitória, vamos abrir mais 34 leitos de enfermaria, e mais leitos de UTI e semi intensivo, para aumentar a oferta de tratamento aos pacientes Covid”, destacou.

Governador Renato Casagrande anuncia mais leitos de enfermaria e UTI na Santa Casa de Vitória
Governador Renato Casagrande anuncia mais leitos de enfermaria e UTI na Santa Casa de Vitória. Crédito: Reprodução

PASSO À FRENTE

Durante o anúncio, o governador afirmou que o Estado está um passo à frente no atendimento hospitalar de pacientes com a Covid-19. No entanto, reforçou que a doença atinge de forma trágica e que o isolamento social é fundamental para evitar mortes. Durante a fala, o governador criticou o governo federal pela falta de união no combate à doença.

“Não tem nenhum paciente no Estado que não tenha assistência hospitalar. A doença não nos alcança nisso, mas nos alcança de uma forma trágica, pois parte dos pacientes que são internados perdem a vida. A gente já perdeu mais de 1100 capixabas que foram contagiados pelo Covid. Nós fazemos nossa parte de abrir leitos. Mas nós, juntos, governo do estado e municipais - e quem dera se o governo federal pudesse participar, mas não está participando - junto com a sociedade capixaba, devemos reduzir a interação. Aumentar o distanciamento e isolamento social porque essa é a maneira de reduzir os óbitos”, disse.

HOSPITAIS DE CAMPANHA

Casagrande também falou sobre os constantes questionamentos a respeito dos hospitais de campanha, dizendo que apesar de não descartá-los, o objetivo do estado é fortalecer a rede pública para deixar um legado.

“As pessoas perguntam se não vamos abrir hospitais de campanha. Nós não descartamos, mas enquanto pudermos fazer investimentos como esse, em um hospital público, que possa permanecer como um legado para a sociedade capixaba, é muito melhor do que gastar uma fortuna montando hospitais de campanha para desmontar depois de três, quatro, cinco meses. Isso nos permite conquistar uma situação muito melhor pós pandemia”, completou.

De acordo com o governo do Estado, até esta quinta-feira (18), o estado conta com 1338 leitos para o tratamento da Covid-19.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.