ASSINE

Deslizamento de terra derruba casa e deixa três feridos em Cariacica

Parte de uma encosta cedeu e metade de uma residência de alvenaria situada no topo desabou sobre outra de madeira, que foi destruída; Defesa Civil está no local

Vitória
Publicado em 20/11/2021 às 18h08
Desabamento de casa em Jardim Campo Grande, Cariacica
Metade de uma residência de alvenaria situada no topo desabou sobre outra de madeira, em Cariacica, na tarde deste sábado (20). Crédito: Reprodução/Instagram

Em meio às chuvas que predominam no Espírito Santo desde a tarde de sexta-feira (19), o desabamento de uma residência por pouco não  provocou uma tragédia e a morte de três pessoas em Cariacica, na tarde deste sábado (20). Um deslizamento de terra em uma encosta sobre a qual o imóvel foi construído, no bairro Jardim Campo Grande, fez com que parte da estrutura de alvenaria entrassem em colapso, atingindo outra residência.

“A casa de cima, de alvenaria, se partiu ao meio, e desceu junto com a lama, atingindo uma segunda casa, mais frágil, de madeira. A pessoa que estava nesse imóvel conseguiu sair a tempo. Mas os três moradores da casa de cima caíram junto com a estrutura. Por muito pouco não vieram a óbito”, explicou o tenente-coronel Carlos Wagner, do Corpo de Bombeiros do Espírito Santo.

As três pessoas, entre elas uma grávida, foram resgatadas com ferimentos leves, e socorridas pelo Samu e por agentes do Corpo de Bombeiros. A área foi isolada pela Defesa Civil do município.

“Cariacica é o município com maior número de residências em áreas de risco. São mais de 26 mil pessoas vivendo em áreas de risco e, com esse aumento de chuvas previsto para o mês de novembro, os moradores precisam ficar atentos”, frisou o tenente-coronel.

Em nota, a Defesa Civil de Cariacica informou que está no local atendendo a ocorrência.

“A Defesa Civil isolou o local e os moradores que estavam nas casas foram socorridos. A Secretaria de Assistência Social prestará atendimento aos envolvidos. Para caso de emergência, a Defesa Civil deve ser acionada pelos telefones 199 ou 98831-6000.”

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.