ASSINE
Oferecimento:
Modo de Visualização:

Covid-19: mais de 91% do público acima dos 18 anos no ES já recebeu a 1°dose

Dado representa pouco mais de 2,7 milhões de capixabas acima dos 18 anos, de acordo com dados do Painel Vacina e Confia e da Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS)

Terminal de Campo Grande terá ponto de vacinação contra a gripe
Terminal de Cariacica var. Crédito: Claudio Postay

Atualmente, 91,20% da população acima dos 18 anos encontra-se vacinada com a primeira dose da vacina contra a Covid-19.  A informação foi divulgada pelo governo do Estado nesta terça-feira (6).

O dado representa pouco mais de 2,7 milhões de capixabas acima dos 18 anos, de acordo com dados do Painel Vacina e Confia e da Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS).

“Nós temos uma cobertura que já ultrapassa 90% da população adulta com a primeira dose da vacina e esta é a principal aposta do Governo no enfrentamento à pandemia. Temos uma estratégia de plena vacinação no Estado, de plena oferta e praticamente todos os municípios estão ofertando vacinas à livre demanda. Precisamos que a população tenha uma adesão mais significativa neste mês de outubro para que consigamos alcançar toda a população coberta pela vacina”, comentou Nésio Fernandes, secretário de Estado da Saúde.

Ainda segundo o Painel Vacina e Confia, o Estado apresenta uma cobertura vacinal de segunda dose de 59,21%.

COBERTURA VACINAL DE ADOLESCENTES

O dia 23 de setembro marcou o início da vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos em todo o Estado. Em menos de duas semanas, 54,09% do público-alvo já recebeu a primeira dose do imunizante contra o vírus.

DOSE DE REFORÇO

De acordo com os dados, 45,56% dos idosos já estão aptos a receberem a dose de reforço. Portanto, é fundamental que este público procure o serviço de saúde de sua cidade para receber a próxima dose do imunizante. O mesmo vale para os imunossuprimidos e trabalhadores de saúde que, agora, também podem tomar a terceira dose.

“É a dose que amplificará ainda mais a resposta imunológica contra a doença e precisamos garantir a adesão deste público à dose de reforço. Temos vacinas disponíveis, então, procure o serviço de saúde da sua cidade, caso já tenha o tempo necessário para recebê-la”, informou a coordenadora do Programa Estadual de Imunizações e Vigilância das Doenças Imunopreveníveis, Danielle Grillo.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.