ASSINE

De mel a cachaça, 5 dicas do que provar na feira Sabores da Terra

O evento, que acontece de 29 de julho a 1° de agosto, reúne iguarias de Norte a Sul do Estado na Praça do Papa, em Vitória

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 27/07/2021 às 21h16
Mel, café e iogurte estão entre os produtos capixabas expostos na feira Sabores da Terra 2021
Mel, café arábica e iogurte estão entre os destaques gastronômicos da feira. Crédito: Montagem com fotos de divulgação

Alimentos e bebidas produzidos de forma artesanal por empreendedores rurais em dez regiões do Estado estarão reunidos a partir de quinta-feira (29) na edição 2021 da Feira Sabores da Terra, na Praça do Papa, em Vitória.

Até domingo, 1º de agosto, quem visitar os estandes encontrará variedades de chocolate orgânico e vegano, cachaça envelhecida, iogurte natural, biscoitos, geleias e diversos outros quitutes, com preços a partir de R$ 5.  

A seguir, destacamos alguns produtos imperdíveis na feira para quem é bom de cozinha e busca novas iguarias para incrementar suas receitas. A lista inclui também bebidas premiadas e chocolates pra lá de especiais. Confira!

  1. 01

    MARAVILHAS DE CACAU

    Direto de Iconha, o chocolate orgânico e vegano Espírito Santo é um dos destaques da feira. Sua produção é artesanal, no sítio da família do Sr. José Manuel Monteiro de Castro, que está há mais de 30 anos no ramo. Outra marca capixaba para conferir no evento é a Cascatinha Chocolates Finos, de Tamiles Jesus Santos, que produz do grão à barra ("bean to bar"), sem adição de leite. Também vai estar presente a D’Cacau, de Erika Rangel Muniz Santos, que além de chocolates "tree to bar" vai expor produtos de cacau como nibs, mel, geleia e amêndoas zero açúcar.

  2. A Gazeta - 7m0fygog
    02

    IOGURTES EXÓTICOS

    Iogurtes com sabores exóticos, como pimenta, abacaxi com pimenta e limão com gengibre poderão ser encontrados no estande Sabor nas Montanhas. O laticínio, comandado por Dilton Ruas e Valéria Bindes, fica em uma comunidade rural de São José do Alto Viçosa, em Venda Nova do Imigrante. Na feira, os queijos e a ghee da marca farão companhia aos iogurtes, com processo natural de fermentação e sem aditivos químicos, e também a geleias, pães, biscoitos, ricota e pasta de iogurte grego. FOTO: Sabor nas Montanhas/Divulgação

  3. A Gazeta - vjtwumyl
    03

    MEL PARA TODOS OS GOSTOS

    Segundo dados do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), a produção de mel no Estado gira em torno de 1.000 toneladas por ano. Além do tradicional, produtores têm investido em versões com pimenta, macadâmia, alecrim, gengibre e manjericão. No estande da Gierinha, de Paulo Cesar Sonsine Vieira, estarão à venda também hidromel e aguardente de mel. Já o mel de abelhas nativas sem ferrão, que é mais líquido, ácido e tem 10% menos açúcar que o tradicional, vai representar as comunidades indígenas de Aracruz. A iguaria produzida lá pela Tupyguá Cooperativa de Agricultores Indígenas Tupiniquim e Guarani de Aracruz é cobiçada por chefs renomados, como Alex Atala. Ao visitar o estande, procure pelo pólen e pelos méis in natura e maturado de uruçu-amarela (foto).

  4. 04

    CAFÉ DAS MONTANHAS

    O Espírito Santo é o terceiro maior produtor de café arábica do país, atrás somente de Minas Gerais e São Paulo. Dois exemplares desse cultivo que tanto orgulha os capixabas estarão na Sabores da Terra. O Café Canarinho, de Renan Pereira da Silva, vai trazer de Domingos Martins seus cafés especiais 100% arábica com padrão de torra que privilegia os açúcares do grão (notas sensoriais de frutas vermelhas, caramelo e açúcar mascavo). Outra presença garantida é a da Douro Cafés Especiais, de Thiago Douro, grande vencedor do prêmio Coffee of the Year 2020.

  5. A Gazeta - m3n445jzds
    05

    CACHAÇAS ESPECIAIS

    Premiada com a Grand Gold Medal do Concurso Mundial de Bruxelas em 2019, a cachaça Dose Clássica Cristal (foto) foi armazenada em dornas de madeira de castanha-do-Pará feitas à mão pelo alambiqueiro Ralphe Nolasco. A garrafa tem edição limitada (foram feitas apenas 50) e será uma representante de Aracruz. De Paraju, Domingos Martins, vem a tradição familiar da Cachaça Granfina, de Maury Antonio Pereira, que vai expor exemplares envelhecidos por até 45 anos. Quem visitar o estande da marca poderá conhecer cachaças de sabores como capim-limão, abacaxi e mel.

FEIRA SABORES DA TERRA

  • Quando: de 29 de julho a 1º de agosto de 2021.
  • Onde: Praça do Papa. Av. Nossa Senhora dos Navegantes, Enseada do Suá, Vitória.
  • Horários: quinta (29) e sexta (30), das 16h às 22h. Sábado (31), das 10h às 22h. Domingo (1), das 10h às 18h.
  • Entrada gratuita*.
  • Mais informações: @feirasaboresdaterra.

Com informações da assessoria de imprensa do evento.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.