ASSINE

Morre Margarida Moreira, professora e ex-regente do coral Villa-Lobos

Artista capixaba recebeu homenagens de amigos em posts na internet e Fames também emitiu nota de pesar; Margarida Moreira era professora emérita da Faculdade de Música e considerada ícone do canto no Estado

Publicado em 09/06/2020 às 13h35
Atualizado em 10/06/2020 às 09h51
A professora e ex-regente do Villa Lobos, Margarida Moreira
A professora e ex-regente do Villa Lobos, Margarida Moreira. Crédito: Reprodução/Facebook Claudio Modesto

Morreu na manhã desta terça (9) a professora e regente Margarida Moreira, de 84 anos, considerada um dos grandes ícones do canto do Espírito Santo.

Professora emérita da Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames), ela lecionou por quase 50 anos as disciplinas de Teoria e Percepção Musical, Canto Coral e Harmonia Canto Coral na instituição. Antes disso, foi regente por mais de 40 anos do Coral Villa-Lobos, um dos mais antigos e tradicionais do Estado.

A Fames, por meio de nota, manifestou pesar e transmitiu solidariedade à família. “Fica na lembrança e no coração de todos nós, sua índole afetuosa e generosa e sua presença sempre perfumada e de alegria contagiante. Transmitimos à família, amigos e admiradores o nosso abraço fraterno, nesse momento de despedida, desejando que sua alma iluminada encontre o descanso, a paz e o conforto celestial”, diz, trecho do comunicado, assinado pelo diretor da faculdade, Fabiano Araújo.

Querida no local de trabalho, colegas também prestaram homenagens à amiga e profissional. "A tristeza logo dará lugar a uma saudade boa. Ela gostaria de ser lembrada e homenageada por sua garra, disposição (pois nunca faltava ao trabalho), sua capacidade profissional, seu bom humor, seu temperamento inigualável, pelo carinho que dedicava aos alunos e amigos, pelo rosto sempre maquiado, pelo perfume, pela consciência de uma vida dedicada à construção de um legado incrível de músicos. Como amigo/irmão – assim ela me considerava – meu coração está em luto, magoado, mas feliz, pelo privilégio de termos trabalhado juntos e, a partir daí, construído uma amizade tão bonita, sincera, sem filtros", detalha Matheus Oliveira, preparador vocal, pianista e regente adjunto do Coral Villa-Lobos.

Na internet, outras personalidades do meio artístico lamentaram a perda. Natércia Lopes, uma das mais famosas cantoras líricas capixabas, escreveu no Facebook: “Há dois anos sentamos na recepção da Fames e tivemos uma longa conversa finalizando com um duradouro abraço. Hoje ela se une ao nosso Pai Celestial”.

O maestro Claudio Modesto também lembrou na mesma rede social: “Hoje o céu estará contagiado com a sua alegria! Vá em paz, querida mestra”.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo cultura espírito santo Arte

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.