ASSINE
Jornalista de A Gazeta, há mais de 10 anos acompanha a cobertura de Economia. É colunista desde 2018 e traz neste espaço informações e análises sobre a cena econômica

O caminho para empresas afetadas pela pandemia conseguirem empréstimo no ES

A coluna traz as informações sobre como o empreendedor já pode fazer a solicitação de financiamento junto ao Bandes por meio do fundo que vai oferecer R$ 250 milhões em crédito. Confira.

Publicado em 21/03/2021 às 02h00
Atualizado em 21/03/2021 às 02h03
Cédulas do Real: Bandes vai oferecer empréstimos com prazo de pagamento de até 60 meses
Cédulas do Real: Bandes vai oferecer empréstimos com prazo de pagamento de até 60 meses. Crédito: Joel Santana/Pixabay

Lançado pelo governo do Estado na última sexta-feira (19), o Fundo de Proteção ao Emprego - que vai disponibilizar R$ 250 milhões em linhas de crédito a empresas afetadas pela pandemia da Covid-19 - ainda precisa passar pela aprovação da Assembleia Legislativa e ser regulamentado para de fato começar a valer.

A expectativa do governo é que a partir de abril o Bandes dê início às operações. Mas desde já as empresas interessadas em tomar um empréstimo podem iniciar o processo junto ao Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo.

A instituição disponibilizou em seu site uma página em que o empreendedor pode baixar o modelo de proposta de financiamento, preencher as informações e enviar, pelo e-mail indicado, os dados e documentos solicitados pelo Bandes, ou seja, não é necessário, pelo menos neste primeiro momento, entregar o pedido de crédito emergencial presencialmente no banco. No endereço https://www.bandes.com.br/Site/Dinamico/Show/994/EmergencialBandes, basta o interessado clicar no item "Baixe a proposta de Financiamento".

O documento tem algumas orientações e quatro páginas para o empreendedor preencher o formulário que solicita informações como: a situação econômico-financeira da empresa, a regularidade em relação à certidão negativa e previdenciária, alvarás e licenças. Pede ainda que seja descrito como a pandemia afetou os negócios, qual o valor do capital de giro pretendido, entre outros dados.

De acordo com a instituição,  cada empresário tem o direito de enviar apenas uma solicitação de crédito por CNPJ. O banco ainda esclarece que está impedido de conceder financiamento a empresas que tenham restrições cadastrais relevantes anteriores ao ano de 2020.

CONDIÇÕES OFERECIDAS

O valor máximo de financiamento por empresa deverá ser definido pelo Bandes nas próximas semanas e cada caso passará pela análise do banco, mas algumas condições para a tomada de empréstimo já foram divulgadas pela instituição capixaba. A taxa de juros será equivalente à Selic e o prazo máximo de financiamento de 60 meses, sendo até 12 meses de carência.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.