ASSINE

SP tem fila de 12 mil exames para detectar coronavírus

Segundo o governo, deste total, apenas 500 são de pessoas em situação grave. Atualmente, o estado tem registrado 1.451 casos e 98 mortes.

Publicado em 30/03/2020 às 16h04
Atualizado em 30/03/2020 às 16h19
Coronavírus - Covid19
Coronavírus - Covid19 . Crédito: Gerd Altmann/Pixabay

governo João Doria (PSDB) afirmou nesta segunda-feira (30) que o estado de São Paulo tem, no momento, uma fila de 12 mil exames para detectar coronavírus. Segundo o governo, deste total, apenas 500 são de pessoas em situação grave. Atualmente, o estado tem registrado 1.451 casos e 98 mortes.

Ainda segundo o governo, estudos do Instituto Butantan mostram que as medidas restritivas no estado diminuíram a contaminação. Antes da quarentena, segundo o governo, a velocidade de transmissão de casos era de uma pessoa para seis. Isso exigiria mais 20 mil leitos à rede pública da capital paulista, sendo 14 mil hospitalares e 6 mil de UTI.

Agora, segundo o instituto, a velocidade de transmissão a uma pessoa para duas, e a rede existente é suficiente. A cidade de São Paulo possui cerca de 6 mil leitos hospitalares e outros mil de UTI.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.