ASSINE

Fabrício Queiroz negocia delação premiada com o Ministério Público, diz TV

Objetivo principal do ex-assessor de Flávio Bolsonaro seria de proteger a esposa, Márcia, e as filhas, que também são investigadas no caso das rachadinhas

Publicado em 26/06/2020 às 22h00
Atualizado em 26/06/2020 às 22h00
O ex-assessor do senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) Fabrício Queiroz
O ex-assessor do senador eleito Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz . Crédito: SBT JORNALISMO/YOUTUBE/REPRODUÇÃO

A defesa de Fabrício Queiroz, ex-assessor parlamentar do então deputado estadual Flávio Bolsonaro, atualmente senador, está negociando um acordo de delação premiada com o Ministério Público do Rio de Janeiro. A informação é da CNN Brasil. Queiroz teve a prisão preventiva decretada no último dia 18, na Operação Anjo. Ele foi localizado em uma casa em Atibaia, São Paulo. 

De acordo com fontes envolvidas na investigação, a maior preocupação de Queiroz seria com a família dele. A esposa dele, Márcia Aguiar de Oliveira, que está foragida, e para as filhas, Nathalia Mello e Evelyn Mello, também são investigadas no "esquema da rachadinha", e Queiroz teria interesse em garantias de proteções no processo. Queiroz também pede para que cumpra prisão domiciliar.

Queiroz está bastante preocupado que as filhas venham a ser presas e que Márcia seja localizada. Ela está foragida desde o dia 18 de junho e os agentes já fizeram buscas em 12 endereços diferentes para tentar encontrá-la. De acordo com a CNN, a negociação enfrenta dificuldades porque os promotores querem garantias que Fabrício tenha informações novas para apresentar e não apenas relatar fatos que a investigação já conseguiu remontar.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.