ASSINE

Eduardo Paes, prefeito do Rio, deixa DEM e fecha com PSD de Kassab

Paes filiou-se ao DEM em 2018, após deixar o MDB, para disputar o governo do estado. Na ocasião, ele foi derrotado por Wilson Witzel (PSC)

Publicado em 04/05/2021 às 18h49
O prefeito do Rio, Eduardo Paes
O prefeito do Rio, Eduardo Paes. Crédito: Fernando Frazão/Agência Brasil

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, deixou o DEM e filiou-se ao PSD, presidido por Gilberto Kassab. A informação foi confirmada ao UOL pelo assessor do PSD.

Paes filiou-se ao DEM em 2018, após deixar o MDB, para disputar o governo do estado. Na ocasião, ele foi derrotado por Wilson Witzel (PSC). A intenção de Paes, agora, seria a mesma.

Witzel teve o impeachment confirmado na semana passada pelo TEM (Tribunal Especial Misto) por 10 votos a 0.

Ele era acusado de irregularidades em licitações para a área da Saúde durante a pandemia. Com o resultado, o então vice, Claudio Castro (PSC), tomou posse no sábado (1º) como novo governador do estado do Rio de Janeiro.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.