ASSINE
Autor(a) Convidado(a)

Tecnologia: peça-chave para evolução da administração pública

O desenvolvimento de um portal que vai centralizar todos os serviços digitais do governo do Estado é um importante passo para facilitar a vida do cidadão

Publicado em 17/11/2020 às 05h00
Tecnologias da informação
Tecnologias da informação:  meios de tornar mais simples o acesso do cidadão aos serviços governamentais. Crédito: Pixabay

A pandemia do novo coronavírus tem como uma das características mais marcantes a antecipação de tendências tecnológicas, que já estavam aparecendo na administração pública e na iniciativa privada.

Uma delas é a expansão do trabalho remoto. Durante o período mais severo da pandemia, os servidores públicos estaduais tiveram condições de manter as atividades profissionais em casa devido a recursos que possibilitaram o acesso a dados corporativos com elevado grau de segurança da informação.

A continuidade dos trabalhos também foi viabilizada pelo sistema e-Docs, responsável pela tramitação eletrônica de documentos e processos nos órgãos do Poder Executivo Estadual.

Por causa dos resultados obtidos pelo sistema, o Governo do Estado tem como objetivo fazer com que a abertura de novos processos seja feita apenas de maneira digital até o fim deste ano.

Desde 2019, o e-Docs possibilitou a economia de R$ 2,6 milhões. Além da redução de custos, essa ferramenta permite mais agilidade para o setor público, o que é imprescindível para atender às demandas da população de forma rápida e eficiente.

REUNIÕES VIRTUAIS

A pandemia também provocou uma mudança de mentalidade importante na administração pública, porque criou a cultura de reuniões virtuais entre funcionários e autoridades.

Com a aquisição de uma plataforma robusta pelo Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Espírito Santo (Prodest), os servidores estaduais podem se reunir de forma remota e com extrema segurança.

Essa medida contribui, de forma significativa, para reduzir custos com diárias e combustível, aumentar o nível de eficiência da máquina pública e facilitar a comunicação entre funcionários de diferentes órgãos.

Com certeza, essa mudança de postura é um dos grandes legados desse período, em que a tecnologia se mostrou essencial para o governo manter as atividades com qualidade.

Outra ação importante é o investimento feito para expandir a rede de fibra óptica do governo do Estado, que abrange atualmente os municípios de VitóriaSerraVila VelhaCariacicaViana e Guarapari.

Essa rede de alta velocidade facilita o acesso de alunos e professores à internet nas escolas.  Além disso, permite aos hospitais utilizar, com mais facilidade, a telemedicina, recurso que se consolidou durante a pandemia.

Outro benefício é colaborar para a realização de teleaudiências do Poder Judiciário. Elas ajudam, de forma considerável, a economizar com transporte e escolta de presos, o que colabora bastante com o trabalho dos órgãos de segurança pública.

A meta é fazer com que essa rede de fibra óptica governamental também chegue às regiões Norte e Sul do Estado em médio prazo. Mas precisamos sempre buscar meios de tornar mais simples o acesso do cidadão aos serviços governamentais.

Por isso, estamos desenvolvendo um portal que vai centralizar todos os serviços digitais do Governo do Estado.  Essa iniciativa é mais uma prova de como a tecnologia é peça-chave para a administração pública continuar evoluindo e estar mais próxima dos anseios da população.

O autor é diretor-presidente do Prodest  (Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Espírito Santo)

Espírito Santo Governo do ES espírito santo Tecnologia Prodest

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.