ASSINE

Conheça os tratamentos de beleza ideais para serem feitos no inverno

O alívio nas altas temperaturas e a menor incidência dos raios solares nesta época facilitam a realização de alguns procedimentos estéticos

Publicado em 15/07/2020 às 08h00
Atualizado em 15/07/2020 às 08h00
Procedimento estético
Peeling de diamante e depilação a laser estão na lista. Crédito: Divulgação

O verão é, sem dúvida, a estação “queridinha” da maioria dos brasileiros. Mas, para chegar neste período com a saúde em dia, o ideal é manter e até “aprimorar” alguns cuidados no decorrer do ano. O inverno, por exemplo, que possui uma incidência menor de raios solares e conta com a redução das temperaturas, é favorável para a realização de tratamentos, visando a recuperação da pele.

De acordo com esteticista da Santé Dermatologia e Estética, Thaís Oliveira, alguns procedimentos podem ter a pele manchada com a incidência dos raios solares. “Além disso, a temperatura mais baixa pode tornar alguns procedimentos um pouco mais confortáveis para os pacientes. Afinal, a maior parte dos tratamentos precisa de tempo para recuperar a aparência da pele”, informa.

A profissional destaca alguns cuidados que as pessoas podem ficar atentas, já que favorecem para um resultado mais eficaz em todos os casos. “Usar sabonetes suaves, algum produto hidratante, que tenha a proposta de cicatrizar a pele, e, claro, o filtro solar são muito indicados para uma boa recuperação”, orienta a especialista, acrescentando ainda a aplicação de compressas geladas e água termal logo após o procedimento.

Confira alguns procedimentos que podem ser realizados neste período:

Thaís Oliveira, esteticista
A esteticista Thaís Oliveira listou alguns do procedimentos. Crédito: Divulgação

- Microagulhamento: este é um estimulador de crescimento para colágeno ou pode ser um ácido para reduzir as manchas estrias e flacidez, no rosto ou no corpo. É ideal para o clareamento da pele e renovação celular. Melhora a textura e as cicatrizes provocadas pela acne. A indicação para a realização do procedimento no inverno é devido a recomendação para que o local da pele em que a técnica é aplicada não seja exposto ao sol.

- Aplicação de enzimas (Intradermoterapia): é indicada para tratamentos de celulite, gordura localizada, estrias, flacidez e para acelerar metabolismo. Consiste na aplicação de medicamentos através de injeção na pele ou subcutâneo.

- Depilação a laser: esse tipo de depilação se destaca por proporcionar uma redução dos pelos indesejáveis e por proporcionar o tratamento de foliculite (infecção de um ou mais bulbos em que o cabelo cresce). Para a sua realização, a pele não deve estar bronzeada e também não se deve ficar exposto ao sol por um período.

- Peelings de diamante (microdermoabrasão): promove uma esfoliação profunda da pele, retirando as células mortas da camada mais superficial. É indicado para retirar manchas superficiais, como as provocadas pelo sol, e combater rugas por estimular a produção de colágeno e elastina, que são fundamentais para manter a pele firme, viçosa, bonita e uniforme. Nesta época é ideal pelo fato da pele não ficar exposta ao sol, evitando o surgimento de manchas.

- Criolipolise: é considerado uma lipoaspiração não invasiva. Promove a eliminação das células adiposas acumuladas na parte do corpo escolhida com apenas uma sessão. É possível realizar o procedimento, por exemplo, nas costas e no abdome para eliminar os chamados “pneuzinhos”. Os resultados são de médio a longo prazos. Por isso, recomenda-se a realização desses procedimentos ainda no inverno.

Fique bem Beleza

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.