ASSINE

Santa Rita abre pronto-socorro exclusivo para atendimento não-Covid

O novo espaço é destinado para urgências e emergências gerais, cardiológicas, ortopédicas, cirúrgicas e pediátricas de pacientes sem suspeita do novo coronavírus

Publicado em 26/03/2021 às 17h36
Atualizado em 26/03/2021 às 17h36
Hospital Santa Rita de Cássia, em Vitória
Outra ação adotada pelo hospital foi a suspensão das cirurgias eletivas não-oncológicas até que o quadro epidemiológico da pandemia possibilite a retomada de todos os procedimentos eletivos. Crédito: Hospital Santa Rita/Divulgação

Um novo pronto-socorro exclusivo para atendimento de urgências e emergências gerais, cardiológicas, ortopédicas, cirúrgicas e pediátricas de pacientes sem suspeita de Covid-19 foi inaugurado no Hospital Santa Rita, em Vitória. Esse espaço fica em um novo bloco na unidade e tem uma sinalização específica, logo na entrada da instituição. Além de ficar longe do pronto-socorro já existente, agora, o antigo é usado especificamente para tratar casos suspeitos ou confirmados do novo coronavírus.

Dessa maneira, os atendimentos que já eram feitos de forma separada, com fluxos definidos e em salas distintas para evitar proximidades entre pacientes, ficou ainda mais seguro com um pronto-socorro exclusivo e com toda sua área destinada aos pacientes com suspeita ou confirmação de Covid-19. Esse novo pronto-socorro passa a ter, também, uma ala para atendimento pediátrico.

O diretor-geral do Santa Rita, Carlos Clayton Lobato, informa que “em decorrência do grande volume de atendimento aos casos suspeitos e confirmados de Covid-19, o plano de contingência do hospital foi acionado e, com objetivo de prestar um atendimento de qualidade, seguro e eficaz aos nossos clientes e aos nossos profissionais, adotamos mais essa medida. Além disso, mais 12 leitos de UTI Covid-19 também foram criados, voltados, exclusivamente, para os pacientes com essa patologia, totalizando neste momento 46 leitos de UTI exclusivos.”

As pessoas com sintomas que levam à suspeita de estarem contaminadas com Covid-19, assim que chegam ao Santa Rita, encontram sinalizações para encaminhamento ao pronto-socorro específico para o seu atendimento. As áreas são independentes e seguem todos os protocolos de segurança determinados pelo Ministério da Saúde.

PLANO DE CONTINGÊNCIA ACIONADO

Lobato esclarece que toda essa modificação foi possível devido às análises e acompanhamentos permanentes do Comitê de Crise do Hospital, que acionou o Plano de Contingência para oferecer a melhor assistência e segurança aos pacientes e profissionais da saúde.

Outra ação adotada pelo hospital, diante do aumento no número de casos de Covid-19 no Espírito Santo, foi a suspensão das cirurgias eletivas não-oncológicas até que o quadro epidemiológico da pandemia possibilite a retomada de todos os procedimentos eletivos.

Todos estes protocolos foram pensados e colocados em prática porque a equipe do Santa Rita entende que os tratamentos não podem ser interrompidos e as doenças não esperam.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Saúde Hospital Santa Rita de Cássia

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.