ASSINE

Prefeitura de Cariacica cria mais duas secretarias e 60 novos cargos

A estimativa é que a medida tenha custo anual de quase R$ 4 milhões. Com o acréscimo, a administração municipal passará a ter 19 secretarias a partir deste ano

Tempo de leitura: 3min
Publicado em 07/01/2022 às 19h53
Câmaras e prefeituras
Prefeitura de Cariacica vai contar com mais duas secretarias. Crédito: Vitor Jubini

Prefeitura de Cariacica criou mais duas secretarias e 60 novos cargos comissionados. O custo anual estimado é de R$ 3.943.849,62. As novas pastas - Secretaria de Municipal de Habitação e o Gabinete do Prefeito - se juntam a outras 17 secretarias já existentes.

A medida apresentada pelo prefeito Euclério Sampaio (DEM) foi aprovada na Câmara de Cariacica em uma sessão extraordinária realizada na segunda-feira (3). A lei nº 6.260 foi publicada na edição de terça-feira (04) do Diário Oficial do Município.

A votação aconteceu no mesmo dia em que a Casa de Leis aprovou aumento de 68,39% do salário dos vereadores. A partir da  legislatura de 2025-2028, a remuneração dos parlamentares vai passar de R$ 8.016,94 para R$ 13,5 mil.

No total, 60 novas vagas foram criadas e já podem ser preenchidas neste ano. Para atuar no gabinete do prefeito, dez pessoas serão contratadas e na Habitação, 17.

A legislação traz ainda um anexo que altera a organização da Secretaria de Governo. Para esse espaço, 16 novos servidores serão nomeados.

A proposta do Executivo também apresenta readequações em outras secretarias que resultaram na criação de outros 17 cargos comissionados na administração municipal.

Diário Oficial de Cariacica - 04/01/2022

Edição do Diário Oficial com leis aprovadas pela Câmara e sancionadas pelo prefeito Euclério Sampaio (DEM)

AÇÕES DAS NOVAS SECRETARIAS

A Prefeitura de Cariacica explicou que a Secretaria de Governo fará a coordenação e implementação do planejamento estratégico municipal, além de promover a integração e articulação dos órgãos municipais visando à eficiência dos programas e projetos.

“Além de promover a relação institucional entre o Poder Legislativo, Executivo e Judiciário a fim de dinamizar as relações entre as esferas dos poderes federal, estadual e municipal; e com a sociedade civil organizada e segmentos religiosos, entre outras atribuições”, destaca a nota.

Quanto à criação da Secretaria de Habitação, a administração pública municipal informou que a área era vinculada à Secretaria de Desenvolvimento da Cidade e Meio Ambiente e contava com uma gerência e uma coordenação. Devido à "grande demanda por regularização de imóveis" houve a necessidade de uma secretaria específica para este fim.

"Dessa forma, a população terá a posse definitiva do seu imóvel regularizado, o que melhora, inclusive, a economia do município e traz mais desenvolvimento para a cidade. Já o gabinete do prefeito irá realizar o assessoramento direto ao chefe do Executivo nas decisões técnicas de pareceres e tomadas de decisões", aponta.

VERBA DE GABINETE

A segunda-feira (03) foi bastante movimentada na Câmara de Cariacica. Na primeira sessão do Legislativo do ano, os parlamentares também aumentaram em 28% o valor da verba dos gabinetes, que passou de R$ 25 mil para até R$ 32 mil a partir deste ano.

A quantidade máxima de assessores também pode mudar. Em vez de 12, agora pode chegar a 15.  A mudança terá um impacto econômico de R$ 8,1 milhões por ano aos cofres da cidade, R$ 1,7 milhões acima do montante anterior.

A verba de gabinete é o dinheiro utilizado para contratação de assessores e cabe ao Legislativo definir o valor dela baseada no orçamento da Casa. 

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.