ASSINE

PMs mergulham e recuperam drogas na maré da Ilha das Caieiras em Vitória

Os entorpecentes, que estavam dentro de sacolas, teriam sido jogados por um homem que estava no telhado de uma casa; também foram apreendidas uma pistola e munições

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 23/09/2021 às 08h45
Policiais militares tiveram que mergulhar na Baía de Vitória para apreender drogas nesta quarta-feira (22)
Policiais militares tiveram que mergulhar na Baía de Vitória para apreender drogas nesta quarta-feira (22). Crédito: Reprodução/PMES

Policiais militares tiveram que mergulhar na Baía de Vitória para conseguir encontrar drogas que foram jogadas na água nesta quarta-feira (22), no bairro Ilha das Caieiras. Ao todo, foram encontrados 420 pinos e 101 papelotes de cocaína, além de uma pistola calibre 380, 42 munições e dois carregadores, que estavam dentro de sacolas. Um homem foi detido.

Dentro das sacolas, os policiais militares encontraram drogas, armas e munições
Dentro das sacolas, os policiais militares encontraram drogas, armas e munições. Crédito: Divulgação/PMES

Os policiais faziam patrulhamento na região quando viram um suspeito que, conforme a PM, participa ativamente do tráfico de drogas da região, identificado como Gustavo Vieira Barreto, de 19 anos. A polícia afirmou que foi dada voz de abordagem, mas o suspeito tentou fugir subindo as escadas de um prédio. Os militares entraram no imóvel e viram Gustavo jogar as drogas, que ficaram boiando, na Baía de Vitória.

Depois, ainda segundo a PM, Gustavo afirmou que também havia jogado uma pistola com numeração raspada pela janela, além de dois carregadores e as munições. A arma foi encontrada por equipes de mergulho do Corpo de Bombeiros, que foram acionados para a ocorrência. A ação dos militares foi registrada em vídeo. Veja abaixo:

Policiais mergulham e recuperam drogas na maré da Ilha das Caieiras em Vitória

SUSPEITO TERIA PARTICIPADO DE TIROTEIO

O suspeito foi levado ao Departamento Médico Legal (DML) de Vitória e, depois, encaminhado ao presídio. Ele foi autuado por tráfico de drogas e, conforme informações apuradas pela reportagem da TV Gazeta com a Polícia Militar, teria participado de um tiroteio no bairro Alagoano, também na Capital, no qual três pessoas morreram.

O suspeito não quis gravar entrevista, mas conversou com a reportagem da TV Gazeta e afirmou que é inocente. Ele contou que trabalha como pescador na região, que as drogas não são dele e que foi confundido pela PM com outro criminoso.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.