ASSINE

Médicos cubanos vão ajudar no combate ao coronavírus no ES

Esses profissionais permaneceram no Brasil após o fim do programa Mais Médicos, em novembro de 2018

Publicado em 25/03/2020 às 19h21
Atualizado em 25/03/2020 às 20h18
Data: 12/03/2020 - Médico com placa do coronavírus alerta para a doença. Freepik
Médicos cubanos vão ajudar no combate ao coronavírus no ES. Crédito: Freepik

Prefeitura de São Mateus, no Norte do Espírito Santo, convocou médicos cubanos para reforçar as ações de combate ao coronavírus no município. Esses profissionais permaneceram no Brasil após o fim do programa Mais Médicos, em novembro de 2018.

Os médicos cubanos foram convocados por um decreto assinado pelo prefeito Daniel Santana. De acordo com a prefeitura, oito médicos se apresentaram rapidamente após a publicação do documento. Eles estão habilitados a atuar em ações para enfrentar o avanço da pandemia, além de outras demandas da saúde do município.

"À medida que a cidade  for precisando, vamos convocando esses profissionais que serão fundamentais nas nossas estratégias  de saúde.  Eles deram uma resposta rápida depois da convocação. Os oito já estão cadastrados", explicou o secretário municipal de saúde, Henrique Follador.

A prefeitura informou ainda que a convocação vai até que pandemia de coronavírus seja controlada no Brasil.

NOVAS UTI'S COM RESPIRADOR

s unidades contam com respirador completo e outros equipamentos
Unidades contam com respirador completo e outros equipamentos. Crédito: Prefeitura de São Mateus

Além da covocação dos cubanos, a prefeitura de São Mateus tomou outras medidas para atender a população nesse período. A prefeitura contratou cinco Unidades de Tratamento Intensivo (UTI’s) Móveis para atendimento de urgência e emergência. Elas ficarão distribuídas na cidade para atendimento aos casos que necessitem de remoções rápidas até uma unidade hospitalar. As unidades contam com respirador completo e outros equipamentos.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.