ASSINE

"Viramos uma página de 2017", diz Casagrande sobre reajuste para policiais

Em assembleia realizada nesta quinta-feira (05), policiais e bombeiros aceitaram a proposta de reajuste apresentada pelo Governo

Publicado em 05/03/2020 às 18h38
Atualizado em 05/03/2020 às 18h38
Governador Renato Casagrande. Crédito: Helio de Queiroz Filho/Secom
Governador Renato Casagrande. Crédito: Helio de Queiroz Filho/Secom

Para o governador Renato Casagrande (PSB), a aceitação da proposta de reajuste feita pelo Governo do Estado aos policiais militares, civis e Corpo de Bombeiros na tarde desta quinta-feira (05) representa o fim de uma insatisfação discutida desde 2017.

Renato Casagrande

Governador do Estado

"Estamos virando uma página de 2017. Tudo que a gente fez de 2019 para cá foi na tentativa de virar essa página. Com a polícia organizada e não mais vinculada a um problema do passado, pode trabalhar muito mais e produzir muito mais"

Em uma assembleia realizada na tarde desta quinta-feira (5), os militares e policiais civis aceitaram a proposta de reajuste feita pelo Governo do Estado. O órgão ofereceu o reajuste real em três parcelas de 4% a serem aplicadas já este mês, outra em julho de 2021 e julho de 2022. Foram 158 votos a favor contra 118.

Também é destaque na proposta o reajuste maior para os soldados, de 21,5%. Para os militares com patente variando entre cabo a tenente serão concedidos 16,22%. De capitão a coronel, além de todos os policiais civis, inspetores penitenciários e agentes socioeducativos, o aumento será de 14,90%.

“Juntos, temos de combater ainda mais a criminalidade do Espírito Santo. Estamos dando um tratamento um pouco diferente para os soldados. Isso mostra que o diálogo resolve. Estamos dentro da nossa possibilidade financeira, da nossa responsabilidade fiscal”, disse. 

COMO É O REAJUSTE OFERECIDO PELO GOVERNO

SOLDADOS: reajuste será de 21,5%

TENENTE A CABO: reajuste de 16,22%

CORONEL A CAPITÃO: o reajuste será de 14,90%

POLICIAIS CIVIS, INSPETORES PENITENCIÁRIOS E AGENTES SOCIOEDUCATIVOS: reajuste será de 14,90%

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.