ASSINE

Mais de mil pessoas lesadas em fraude envolvendo bitcoins no ES

Em entrevista à Rádio CBN Vitória, o delegado da Polícia Federal, Guilherme Helmer, explicou que a companhia agia desde 2017 como uma corretora de valores, vendendo investimentos vinculados a bitcoins, semelhantes aos famosos fundos de ações

Publicado em 24/10/2019 às 12h21
Bitcoin: empresa que atuava com criptomoeda é investigada de fazer pirâmide financeira. Crédito: Pixabay
Bitcoin: empresa que atuava com criptomoeda é investigada de fazer pirâmide financeira. Crédito: Pixabay

A Polícia Federal no Espírito Santo vai vender, em uma decisão inédita no país, bitcoins apreendidos em uma operação ocorrida este ano no Espírito Santo, envolvendo uma empresa localizada na Serra. A investigada atuava ilegalmente como gestora de investimentos em moedas digitais e não tinha autorização nem da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nem do Banco Central para atuar. De acordo com os levantamentos, mais de mil pessoas foram lesadas.

A investigação começou no ano passado e resultou no fechamento do negócio e na apreensão do patrimônio. Com a venda dos bitcoins, a estimativa é de que cerca de R$ 1 milhão sejam depositados em uma conta judicial para, futuramente, ser devolvido aos clientes da companhia investigada.

Em entrevista à Rádio CBN Vitória, o delegado da Polícia Federal, Guilherme Helmer, explicou que a companhia agia desde 2017 como uma corretora de valores, vendendo investimentos vinculados a bitcoins, semelhantes aos famosos fundos de ações. O esquema de fraude prometia lucro de 20% ao mês e movimentava milhões no Estado, deixando mais de mil pessoas no prejuízo.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.