ASSINE

Vitória amplia equipes de Saúde e horário de postos para desafogar PAs

A mudança foi planejada para atender a alta demanda de pacientes com sintomas de síndrome respiratória e melhorar o tempo de resposta dos atendimentos

Tempo de leitura: 2min
Vitória
Publicado em 04/01/2022 às 17h52

Prefeitura de Vitória anunciou nesta terça-feira (4) como vai funcionar a ampliação do atendimento nas unidades de saúde do município. A mudança, planejada para atender a alta demanda de pacientes com sintomas de síndrome respiratória, foi anunciada durante coletiva de imprensa, com a presença do prefeito Lorenzo Pazolini (Republicanos) e secretários Thais Cohen, Marcelo Oliveira, Aridelmo Teixeira e Regis Mattos.

PMV
PMV anuncia expansão do atendimento das unidades de saúde. Crédito: Vinicius Zagoto

Com a alteração, seis unidades de saúde, consideradas satélites, passam a atender das 7h às 19h, diariamente, incluindo fins de semana e feriados. As atividades realizadas nas demais unidades continuam normalmente. A duração da mudança vai acompanhar o quadro epidemiológico. Diante de cada situação, o número de profissionais pode ser mantido ou aumentado. 

Unidades satélites onde há atendimento diário de 7h às 19h:

  • Praia do Suá
  • Conquista/Nova Palestina
  • Maruípe
  • Jardim Camburi
  • Santo Antônio
  • Maria Ortiz

Nas unidades de Praia do Suá e Nova Palestina, o novo horário passou a valer nesta segunda-feira (3). Nas outras, a mudança começa às 7h desta quarta-feira (5). 

A prefeitura afirmou ainda que mais profissionais vão reforçar o atendimento. Serão 14 a mais por dia e 18 nos fins de semana. No total, são 166 profissionais adicionados para trabalhar nessas seis unidades. Pazolini explicou que eles atuam na iniciativa privada e foram contratados pela prefeitura.

"O modelo é contratação, a gente vai até o mercado, a iniciativa privada. Então assim, é feita uma busca dentro de pessoas que tenham expertise. E esse gerenciamento é feito em conjunto com a  iniciativa privada, até pelo quadro epidemiológico que estamos vivendo."

CONSULTAS ELETIVAS RETORNAM

Segundo a secretária de Saúde, Thais Cohen, com a ampliação no atendimento será possível retornar com o agendamento das consultas eletivas já a partir desta quarta-feira (5). 

UNIDADE DE SAÚDE X PRONTO ATENDIMENTO

A orientação da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) é que os pacientes de baixa gravidade busquem as unidades básicas de saúde, deixando os pronto atendimentos para os casos de urgência e emergência.

"Observando que, diferente do momento inicial da pandemia, nós temos sintomáticos respiratórios de baixa gravidade e que têm sobrecarregado o nosso sistema de pronto atendimento, voltados a urgências e emergências. A baixa gravidade deve se concentrar nas unidades básicas de saúde", evidenciou Cohen. 

Pronto Atendimento de São Pedro, em Vitória
Pronto Atendimento de São Pedro, em Vitória. Crédito: Carlos Alberto Silva

ALTA PROCURA 

Como A Gazeta mostrou, unidades de saúde e pronto atendimentos registraram recordes de procura nas últimas semanas. O PA de São Pedro, que registrou média de 400 atendimentos semanais em abril de 2021, durante o período mais agudo da pandemia de Covid-19 no Estado, atendeu 400 pacientes em um plantão de apenas 12 horas, em meio a atual epidemia de gripe.

No último fim de semana, quando foi comemorada a virada de ano, foram 1,8 mil atendimentos em toda a rede do município. 

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.