ASSINE

"Aqui é um ponto de equilíbrio", diz ex-BBB Arthur sobre Conduru

Capixaba passa o Dia das Mães em sua terra natal e fala da vida pós-confinamento e o relacionamento com Carla Diaz

Cachoeiro de Itapemirim
Publicado em 09/05/2021 às 15h00
O ex-BBB Arthur Picoli, em Conduru, Cachoeiro de Itapemirim
O ex-BBB Arthur Picoli, em Conduru, Cachoeiro de Itapemirim. Crédito: Instagram/@arthur picoli

O ex BBB Arthur Picoli deve permanecer em Conduru, interior de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado até a próxima terça-feira (11). Ele chegou em sua terra natal neste sábado (8) e aproveita esses dias para tentar descansar e rever família e amigos. O lugar para ele é considerado local de paz e equilíbrio.

A mãe de Arthur, a dona de casa Beatriz Louzada Picoli, 52 anos, não desgruda do filho desde a eliminação do reality, ocorrida no dia 27 de abril. Feliz em ter o filho por perto neste Dia das Mães, ela fala como está sendo o reencontro após passar três meses longe do filho. 

“Eu já estava de passagem marcada para o Rio de Janeiro, poque já faltava uma semana para o fim do programa. Via ele todos os dias, mas estava doida para abraçar e ver . O reencontro foi muito emocionante, muito bom. E hoje ele está aqui passando o Dia das Mães, estou com os três filhos e estou muito feliz”, contou.

A previsão era de que Arthur ficasse em Conduru por pelo menos 10 dias, mas com o aparecimento de trabalhos como modelo, ele retorna para o Rio de Janeiro, onde mora há dois anos, no início desta semana. Veja mais detalhes na entrevista:

O que você fez desde que chegou em Conduru?

Desde que cheguei, falei que iria descansar, o que não consegui fazer até agora. Todo mundo da família está querendo conversar, saber como foi. Aproveitei para rever minha família e brincar com as minhas cachorras.

Conseguiu rever os amigos?

Conversei com eles pelo WhatsApp e pelo Instagram. Queriam vir e fazer churrasco, mas, querendo ou não, estamos na pandemia e expliquei que não teria como. Consegui falar com geral

O que mais gosta de fazer em Conduru?

Gosto de ficar em casa, não sou muito de sair. Gosto de passear com as minhas cachorras, tomar banho de rio e ficar em casa jogando videogame e assistindo filmes e séries

Como está a sua agenda para os próximos dias?

Falava em ficar 10 dias aqui, mas já vi que não vou conseguir. Volto para o Rio na terça (11), pois tem trabalho. Moro na Barra da Tijuca há dois anos (completa em junho) e agora vou continuar lá.

Como está a vida fora do confinamento?

Tudo muito louco. Entrei num lugar e saí sem saber como estava... E saí famoso. Sempre gostei de viver uma vida simples, sair de bermuda e sandália. Agora, as pessoas me identificam, querem tirar fotos. A minha expectativa está boa na carreira de modelo.

Em relação a Carla Diaz, você chegou a falar com ela depois que saiu do programa?

Mandei mensagem, mas nesse início estamos trabalhando muito. Já nos falamos por mensagem, mas ainda não conversarmos muito. Ainda não tem muito o que falar

O que Conduru significa para você?

Apensar de ter morado na Capital (Vitória – ES), Conduru fez parte da minha criação. Grande parte da minha infância foi aqui, é onde tenho minha família até hoje. Aqui é um lugar de paz e tranquilidade. Quando as coisas não estão indo bem, aqui é um ponto de equilíbrio.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.