ASSINE

Senado estende incentivos tributários para empresas exportadoras

O sistema aprovado pelo texto isenta as exportadoras de impostos federais os insumos usados na produção de itens vendidos para fora do país

Publicado em 27/08/2020 às 18h19
Exportações do ES cresceram 15% na comparação de janeiro a setembro de 2019 com igual período de 2018
Exportações do ES cresceram 15% na comparação de janeiro a setembro de 2019 com igual período de 2018. Crédito: Pixabay

Os senadores aprovaram em sessão remota na tarde desta quinta-feira (27) medida provisória que estende por mais um ano os incentivos tributários para empresas exportadoras, regime conhecido como drawback.

O sistema aprovado pelo texto isenta as exportadoras de impostos federais os insumos usados na produção de itens vendidos para fora do país. O projeto será encaminhado para sanção do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido).

Relatado pelo líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), o texto foi aprovado de forma simbólica pelos parlamentares. A ideia da proposta é reduzir os custos de produção dos bens exportáveis, tornando-os mais competitivos no mercado internacional, especialmente no período da pandemia causada pelo novo coronavírus.

De acordo com dados do Ministério da Economia, no ano de 2019, foram realizadas aproximadamente US$ 49 bilhões em vendas externas por meio de drawback. O valor representa 21,8% do total das exportações nacionais naquele ano.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.