ASSINE

Para Salles, principal questão ambiental está nas cidades, com saneamento

O ministro do Meio Ambiente disse que, mesmo com a aprovação do marco legal do saneamento, é necessário financiamento para que municípios invistam no setor

Publicado em 03/12/2020 às 14h20
Atualizado em 03/12/2020 às 14h20
O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, durante cerimônia de sansão do projeto de lei (PL 1.095/2019) que aumenta pena para crimes de maus-tratos a animais.
O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, durante cerimônia de sansão do projeto de lei (PL 1.095/2019) que aumenta pena para crimes de maus-tratos a animais. Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, disse que a principal questão ambiental enfrentada pelo País está nas cidades, na falta de saneamento básico. "As pessoas estão vivendo em meio a lixões, esse tema é fundamental no Brasil. Precisamos tirar o atraso", afirmou.

Em evento virtual organizado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Salles disse que, mesmo com a aprovação do marco legal do saneamento, é necessário financiamento para que municípios invistam no setor.

O ministro ressaltou que há casos em que a formação de consórcios por empresas privadas é inviável, seja porque não há interesse econômico ou pela dificuldade de acesso, como em municípios do Norte.

"Precisamos ter modalidades de financiamento para emprestar recursos para que os municípios possam adotar soluções. Os recursos do BNDES têm que entrar em lacunas onde o mercado não tem interesse de entrar", afirmou.

Salles disse que o novo marco legal atrairá o setor privado, mas que há muita discrepância entre os municípios brasileiros. "A sistemática que vamos adotar no Rio de Janeiro ou em São Paulo não tem nada a ver com o que vamos usar no Centro-Oeste, Norte, nas regiões longe do litoral no Nordeste. Temos que ter flexibilidade muito grande para esses projetos", acrescentou.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Meio Ambiente Ricardo Salles Ministério do Meio Ambiente

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.