ASSINE

Bolsa cai mais de 2% e perde os 100 mil pontos; dólar sobe

A Bolsa de Valores brasileira fechou em queda de 2,43%, a 98.834 pontos, menor valor desde julho, pressionada pela forte queda de Petrobras e Vale

Publicado em 10/09/2020 às 18h23
Bolsas de valores começaram o dia em alta após uma segunda-feira de caos
Bolsas de valores começaram o dia em alta após uma segunda-feira de caos. Crédito: Pixabay

Bolsa de Valores brasileira fechou em queda de 2,43%, a 98.834 pontos, menor valor desde julho, pressionada pela forte queda de Petrobras, Vale e bancos.

No exterior, o viés foi negativo. Ações de tecnologia voltaram a cair, derrubando a Bolsa de tecnologia Nasdaq, que caiu 2%. S&P 500 e Dow Jones recuaram 1,8% e 1,4%, respectivamente.

Investidores também repercutiram um número maior do que o esperado de americanos que entraram com novos pedidos de auxílio-desemprego na semana passada.

Foram 884 mil, igualando os pedidos recebidos na semana anterior, disse o Departamento do Trabalho dos EUA nesta quinta-feira (10). Analistas veem que o mercado de trabalho está se acomodando em um caminho mais gradual de recuperação diante da pandemia de Covid-19.

O dólar subiu 0,330%, a R$ 5,320.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.