ASSINE

Veja como se preparar para o concurso do Corpo de Bombeiros do ES

Candidatos farão provas objetivas no dia 3 de julho; serão 120 questões, distribuídas por sete disciplinas.  Além dos exames, haverá Teste de Aptidão Física (TAF)

Tempo de leitura: 9min
Vitória
Publicado em 07/04/2022 às 11h24
Incêndio atinge lancha na Ilha da Fumaça, em Vitória. Bombeiros controlam o incêndio.
Incêndio atinge lancha na Ilha da Fumaça, em Vitória. Crédito: Rodrigo Gavini

As provas objetivas do concurso público para soldados do Corpo de Bombeiros do Espírito Santo serão aplicadas no dia 3 de julho e os candidatos terão quatro horas e meia para resolver as questões. E faltando cerca de três meses para os exames, os interessados  devem se concentrar nos estudos para estar muito bem preparados para encarar os testes.

Os participantes terão que responder 120 questões de múltipla escolha, valendo 1 ponto cada uma, com 5 alternativas cada.

A diretora pedagógica do CEP, Ivone Goldner, ressalta que os candidatos devem estudar os conteúdos programáticos, levando em consideração o número de questões que cairão em cada disciplina, dedicando o maior tempo, assim, às matérias com maior peso, que serão Matemática (25 questões), Português, Física e Biologia (20 questões cada). Depois vem Química (15 questões) e História e Geografia (10 questões cada).

“Nenhuma matéria pode ser negligenciada pelo candidato, pois se zerar alguma estará eliminado. O ideal é dividir o prazo de praticamente 120 dias até a data da prova entre todas as matérias, proporcionalmente à importância e à complexidade de cada uma delas. Há tempo hábil para se tornar competitivo até a prova, devendo, desde agora, o candidato conciliar os estudos para a prova objetiva com os treinos para o teste de aptidão física”, avalia.

O professor de carreiras policiais do Gran Cursos Online, Leandro Antunes, acredita que a concorrência deve ser alta, até por conta da escolaridade que é o ensino médio. Assim como Ivone, ele destaca que quatro disciplinas são cruciais para a seleção (Português, Matemática, Física e Biologia).

“As quatro matérias somam 45 pontos e representam um terço de toda a pontuação. Além do conteúdo, é essencial que o candidato faça exercícios da banca diariamente e simulados a cada 15 dias. Isso ajuda porque as organizadoras tendem a repetir questões, ou seja, utilizar o mesmo procedimento para chegar a uma resposta”, orienta o professor.

O concurso do Corpo de Bombeiros é organizado pelo Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan). Antunes avalia que esta é uma banca tranquila e que é provável que a nota de corte seja mais avançada.

“O nível das questões desta banca não são complexas e as alternativas costumam ser diretas e pequenas, com enunciados quase sempre longos e com muitas informações. Para garantir que vai estar entre os aprovados, o candidato precisa acertar, pelo menos, 80% da prova”, indica o professor.

Em Português, Antunes acredita que o foco será a interpretação de textos, enquanto que em Matemática,  é certo que sejam cobrados conjuntos. Já em Física, a prova tende a ter questões de vetores e noções de movimentos.

“A prova de Biologia deve contar com questões de ecologia e doenças transmissíveis, algo bem atual por conta da Covid. Se o aluno estudar de três a quatro horas por dia, ele terá condição de ser aprovado, desde que esteja focado neste objetivo”, ressalta Antunes.

Além da parte teórica, o candidato deve ser preocupar com a preparação para o Teste de Aptidão Física (TAF). "A rotina de treinos físicos vão ajudar a relaxar e na abstração do conhecimento", ressalta Leandro Antunes. 

SOBRE O CONCURSO

VAGAS

120 para soldados combatentes. Do total de oportunidades, 17% reservadas aos negros e 3% aos indígenas.

VENCIMENTOS

Durante o curso de formação: R$ 1.505,95, mais R$ 300 de auxílio-alimentação;

Após a incorporação: R$ 3.735,79, mais R$ 300 de auxílio-alimentação.

CARREIRA

O cargo de soldado é o primeiro da carreira das praças, na qual os integrantes podem galgar ainda os cargos de Cabo, 3º Sargento, 2º Sargento, 1º Sargento, Subtenente, 2º Tenente, 1º Tenente e Capitão, dependendo das condições de promoção e da disponibilidade de vagas, conforme Lei Complementar Estadual nº 911/2019 e Quadro Organizacional da corporação.

REQUISITOS 

  • 18 anos de idade, na data da matrícula no curso de formação e, no máximo, 28 anos de idade, no primeiro dia de inscrição do concurso;
  • Altura mínima, descalço e descoberto, de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres;
  • Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou permissão para dirigir automóvel, no mínimo na categoria “B”.
  • Ensino médio completo ou equivalente.

INSCRIÇÕES

  • Taxa: R$ 79;
  • Prazo: das 14h do dia 5 de abril as 23h59 do dia 9 de maio de 2022, somente via Internet, no endereço eletrônico www.idecan.org.br.

PROVAS ESCRITAS

  • Língua Portuguesa (20 questões)
  • Matemática (25)
  • História do Brasil (10)
  • Geografia (10)
  • Física (15)
  • Química (15
  • Biologia (20)

Será considerado aprovado o candidato que obtiver, no mínimo, 50% de aproveitamento dos pontos das provas objetivas de múltipla escolha e que não tenha obtido a nota zero em nenhuma das áreas de conhecimento.

QUANDO SERÁ A PROVA

No dia 3 de julho de 2022, em Vitória. Os candidatos terão que responder as questões em 4h30.

  • TESTE DE ATIVIDADE FÍSICA
  • Contará com os seguintes exercícios que serão aplicados nessa ordem:
  • Barra estática (Para o gênero feminino);
  • Flexão de barra fixa (Para o gênero masculino);
  • Abdominal remador em 120 segundos;
  • Apoio de frente sobre o solo;
  • Corrida de 2400m;
  • 200m de natação aplicada no mar.

Os testes serão realizados em dois dias, sendo que no primeiro de barra estática, flexão de barra fixa, abdominal remador, apoio de frente sobre o solo e corrida de 2400m, nesta ordem. No segundo dia, haverá a natação aplicada no mar.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONHECIMENTOS BÁSICOS

LÍNGUA PORTUGUESA

  • Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados. Reconhecimento de tipos e gêneros textuais.
  • Domínio da ortografia oficial: emprego das letras; emprego da acentuação gráfica. 
  • Domínio dos mecanismos de coesão textual: emprego de elementos de referenciação, substituição e repetição, de conectores e outros elementos de sequenciação textual; emprego/correlação de tempos e modos verbais. 
  • Domínio da estrutura morfossintática do período: relações de coordenação entre orações e entre termos da oração; relações de subordinação entre orações e entre termos da oração; emprego dos sinais de pontuação; concordância verbal e nominal; emprego do sinal indicativo de crase; colocação dos pronomes átonos. 
  • Reescritura de frases e parágrafos do texto: substituição de palavras ou de trechos de texto; retextualização de diferentes gêneros e níveis de formalidade.

MATEMÁTICA

  • Teoria de conjuntos: conjuntos numéricos, números naturais, inteiros, racionais e reais. 
  • Relações, Equações de 1º e 2º graus, sistemas. 
  • Inequações do 1º e do 2º grau. 
  • Funções do 1º grau e do 2º grau e sua representação gráfica. Regra de Três Simples e Composta. Porcentagem e Juros simples e composto. Análise Combinatória. 
  • Geometria espacial. 
  • Geometria de sólidos.

HISTÓRIA DO BRASIL

  • A sociedade colonial: economia, cultura, trabalho escravo, os bandeirantes e os jesuítas.
  • A independência e o nascimento do Estado brasileiro. 
  • A organização do Estado monárquico. 
  • A vida intelectual, política e artística no século XIX. 
  • A organização política e econômica do Estado republicano. 
  • A Primeira Guerra Mundial e seus efeitos no Brasil. 
  • A revolução de 1930. 
  • O Período Vargas. 
  • A Segunda Guerra Mundial e os seus efeitos no Brasil. 
  • Os governos democráticos, os governos militares e a Nova República. 
  • A cultura do Brasil Republicano: arte e literatura. 
  • História do Estado do Espírito Santo: colonização, povoamento, sociedade e indústrias.

GEOGRAFIA

  • A relação entre movimentos da Terra e a organização do espaço geográfico. As paisagens mundiais .
  • A dinâmica da Litosfera. Continentes e oceanos. Relevo terrestre. Minerais e rochas. 
  • Solos: práticas de manejo e conservação. 
  • Regiões brasileiras, marcas do Brasil em todos os cantos. 
  • Regiões do Espírito Santo. 
  • A dinâmica relação entre os componentes das regiões. Critérios de delimitação de regiões.
  • Regiões mundiais: geopolíticas, econômicas. 
  • Biomas e domínios morfoclimáticos. 
  • A dinâmica da atmosfera: elementos e fatores, classificação e tipos de clima. 
  • Fenômenos da natureza: alterações antrópicas e implicações em sua dinâmica
  • global-local e local-global. 
  • A dinâmica da hidrosfera: água no planeta. Bacias hidrográficas, rios, lagos. Águas
  • oceânicas.

FÍSICA

  • Vetores. Sistema de forças. Composição de forças: forças de mesma direção e sentido, forças de mesma direção e sentidos diferentes. Duas forças concorrentes. Representação gráfica. Binário. 
  • Mecânica. Noções de movimento. Movimento retilíneo: velocidade, movimento uniformemente variado, aceleração. Movimento em duas dimensões: movimento de projéteis e movimento circular uniforme. Leis de Newton. Leis da gravitação universal. Leis de Kepler. Rotação da Terra. Trabalho, potência, rendimento, energia: mecânica, cinética, energia potencial e energia mecânica. Conservação de energia mecânica. Densidade e pressão. Princípio de Pascal, Lei de Stevin, Princípio de Arquimedes. 
  • Termodinâmica. Temperatura e equilíbrio térmico. Energia térmica e calor; calor sensível e calor latente. Trocas de calor. Dilatação térmica dos sólidos. Dilatação anômala da água. 4.6 Processos de propagação do calor. 
  • Óptica geométrica. Mecanismos físicos da visão e defeitos visuais. 
  • Som. Qualidades fisiológicas do som. Natureza e propagação do som. 
  • Eletricidade e magnetismo. Lei de Coulomb. Corrente elétrica. Circuitos elétricos. Efeito Joule. Efeitos fisiológicos das correntes elétricas. Campo magnético. Imãs.
  • Aplicações. Efeito fotoelétrico. Efeito estufa. Brisas litorâneas. Relâmpagos e trovões. 
  • Princípios básicos da emissão de radioatividade, radiações ionizantes e decaimento radioativo. 

QUÍMICA

  • Estrutura do átomo: Estrutura atômica. Partículas fundamentais do átomo. Número atômico e massa atômica. Massa molecular. Número de Avogadro, mol, massa molecular, volume molecular. 
  • Classificação periódica dos elementos químicos: Elemento químico. Configuração eletrônica. Tabela periódica atual e sua estrutura. Lei periódica. Principais subgrupos de elementos físicos. 
  • Ligação química: Ligação iônica. Ligação covalente. Fórmula eletrônica (estrutural de Lewis), iônica, molecular e estrutural das substâncias. Número de oxidação. 
  • Funções de química inorgânica: Reações de neutralização, dupla troca, simples troca, redução, oxidação. Ácidos, bases, sais, óxidos, conceitos, classificação, nomenclatura e propriedades gerais. 
  • Reação química: Conceito de reação, equação química, reagente e produto. Balanceamento de equação química. Soluções, concentração das soluções (grama/litro e mol/litro). 
  • Química do carbono: Introdução à química orgânica. Propriedades do átomo do carbono. Estrutura de compostos orgânicos, cadeias carbônicas. Classificação do átomo de carbono na cadeia carbônica. Classificação de cadeia carbônica Funções orgânicas. Notação, nomenclatura e propriedades físicas e químicas de hidrocarboneto, álcool, éter, cenol, cetonas, aldeídos, ácido carboxílicos, amina e amida (contendo de 1 a 8 carbonos). 
  • Reações orgânicas. Reatividade dos compostos orgânicos. Reações de redução, oxidação e combustão. Identificação e nomenclatura IUPAC das funções orgânicas.

BIOLOGIA

  • Seres vivos: classificação dos seres vivos. 
  • Célula. Célula procariota e eucariota. Componentes morfológicos das células. Funções das estruturas celulares. 
  • Anatomia e fisiologia humanas. Fisiologia. Posição anatômica. Divisões do corpo humano. Quadrantes abdominais (órgãos). Sistema tegumentar: pele, pelos, unhas. Sistema muscular. Sistema esquelético: funções, divisão anatômica do esqueleto, ossos, crânio, coluna vertebral, articulações. Sistema respiratório: função, respiração, órgãos componentes, mecanismo da respiração. Sistema cardiovascular: principais funções, sangue, coração, movimentos cardíacos, pulso, vasos sanguíneos, circulação sanguínea. Sistema geniturinário: sistema urinário, sistema genital masculino, sistema genital feminino. Sistema digestório. Sistema nervoso: função, divisão, meninges, sistema nervoso central, sistema nervoso periférico, sistema nervoso visceral, sistema nervoso somático. 
  • Tecidos animais: características estruturais e funcionais. 
  • Evolução dos seres vivos. 
  • Saúde, higiene e saneamento básico. Princípios básicos de saúde. Doenças adquiridas transmissíveis: viroses (transmissão e profilaxia) — AIDS, dengue, poliomielite, raiva e sarampo; infecções bacterianas (transmissão e profilaxia) — tuberculose, sífilis, meningite meningocócica, cólera, tétano e leptospirose; protozoonoses (transmissão e profilaxia) — amebíase, malária e doença de Chagas; verminoses (ciclo de vida e profilaxia) — ascaridíase, teníase, cisticercose, esquistossomose e ancilostomose. Defesas do organismo: imunidade passiva e imunidade ativa. 
  • Ecologia. Relações tróficas entre os seres vivos. Biomas. Ciclos biogeoquímicos. Conservação e preservação da natureza, ação antrópica, poluição e biocidas, ecossistemas e espécies ameaçadas de extinção (principalmente no Brasil).

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.