ASSINE
É jornalista e tem um olhar atento sobre comportamento, arte, relacionamentos e lifestyle. Compartilha as suas ideias sempre com a intenção de criar ambientes favoráveis ao desenvolvimento das pessoas

Como celebrar a chegada de um bebê em tempos de pandemia

Encaminhe uma bela mensagem aos pais, envie um presente para o bebê ou flores quando todos já estiverem em casa

Publicado em 28/05/2021 às 02h00
Mãe com bebê
Podemos nos fazer presentes mesmo distantes enviando alguns mimos para a família. Crédito: Freepik

Aguardada com várias emoções a chegada, o nascimento de uma criança envolve um turbilhão de sentimentos. Alegria, ansiedade, curiosidade e muito afeto. Afinal, é um momento de benção que muitos querem participar.

Se antes da pandemia, essas visitas necessitavam de cuidados, no tempo atual as regras estão mais rígidas. Não é o melhor momento para expor as crianças e os pais. Eu, particularmente, penso que este seja um momento exclusivo da família, bem próxima, avós, tios e só!

Mas, podemos nos fazer presentes mesmo distantes.

Algumas dicas: encaminhe uma bela mensagem aos pais; envie um presente para o bebê; flores quando todos já estiverem em casa; deixe uma cesta de boas-vindas com quitutes deliciosos; use a criatividade e se faça presente mesmo mantendo a distância necessária.

Para os pais, sugiro fazerem um pequeno vídeo e enviarem aos parentes e amigos mais próximos apresentando o mais novo membro da família.

Até a próxima!

Este texto não traduz, necessariamente, a opinião de A Gazeta.

Fique bem Pandemia

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.