ASSINE

Mineiros deram início ao Polo de Moda da Glória, em Vila Velha

História do polo começou em 1975, com comerciantes vindos de Minas Gerais que escolheram o bairro, trouxeram familiares e construíram confecções no local

Tempo de leitura: 3min
Vitória
Publicado em 25/12/2021 às 20h40

Casa do leão mais conhecido do Carnaval de Vitória, endereço de uma das maiores fábricas de chocolate do Brasil. A Glória, em Vila VelhaGrande Vitória, reúne características de dar orgulho a qualquer morador. E, além de todos esses atrativos, o bairro conta com um dos polos de confecção mais tradicionais do Espírito Santo, em uma história que tem ligação até com Minas Gerais.

Movimento no Polo da Glória, em Vila Velha. Crédito: Fernando Madeira
Movimento no Polo da Glória, em Vila Velha. Crédito: Fernando Madeira

Engana-se quem pensa que os mineiros e o solo capixaba são conectados apenas pela relação Guarapari, férias e verão. Isso porque o Polo de Moda da Glória surgiu, justamente, com moradores de Minas vindos para o Espírito Santo em 1975, como explica o escritor e pesquisador Manoel Goes Neto.

Manoel Goes Neto

Manoel Goes Neto

Escritor e pesquisador

"A história do polo começa através de comerciantes vindos de Minas Gerais, em 1975, com pequenas unidades de confecção de vestuário, no início eram pouco mais de 60 confecções"

OS PIONEIROS

A história do tradicional polo começou com a família de Helvécio Quintão, hoje com 77 anos. O proprietário da Tecidos São Geraldo é do interior de Minas Gerais e trabalhava em uma companhia de estradas, atuando na divisa do Estado mineiro com o Espírito Santo. A mudança para o segmento de confecções veio a partir de um convite do sogro.

"Meu sogro era de Manhumirim, em Minas, um dos maiores polos de confecção da região. Ele insistia para eu largar a companhia e ficar na confecção com ele. Eu ganhava bem, mas chegou uma hora que pensei 'eu não tenho nada a perder, se amanhã ou depois eu quiser voltar ao meu trabalho, sou muito bem aceito', então eu resolvi ajudá-lo", conta. 

"Nessa época eu já estava Espírito Santo, por causa do meu trabalho nas estradas, estava em Colatina, trabalhando em trechos da ferrovia. Resolvi sair da empresa e enfrentar, vir para a Glória, onde conseguimos um cômodo, foi dando certo", lembra.

Helvécio Quintão

Helvécio Quintão

Proprietário da Tecidos São Geraldo

"Hoje eu vejo que nós escolhemos certo, mas foi por acaso, mas acabamos tendo sucesso porque estamos perto das duas principais avenidas de Vila Velha"

O Polo de Moda da Glória, em Vila Velha

No bairro Glória, em Vila Velha, é possível ver pessoas atendendo a determinação do governo de usar máscara de proteção contra o coronavírus
No bairro Glória, em Vila Velha, é possível ver pessoas atendendo a determinação do governo de usar máscara de proteção contra o coronavírus. Carlos Alberto Silva
No bairro Glória, em Vila Velha, é possível ver pessoas atendendo a determinação do governo de usar máscara de proteção contra o coronavírus
No bairro Glória, em Vila Velha, é possível ver pessoas atendendo a determinação do governo de usar máscara de proteção contra o coronavírus. Carlos Alberto Silva
Data: 23/12/2019 - ES - Vila Velha - Movimento de clientes na véspera do Natal no bairro Glória
Data: 23/12/2019 - ES - Vila Velha - Movimento de clientes na véspera do Natal no bairro Glória. Carlos Alberto Silva
Data: 23/12/2019 - ES - Vila Velha - Movimento de clientes na véspera do Natal no bairro Glória
Data: 23/12/2019 - ES - Vila Velha - Movimento de clientes na véspera do Natal no bairro Glória. Carlos Alberto Silva
Data: 23/12/2019 - ES - Vila Velha - Movimento de clientes na véspera do Natal no bairro Glória
Data: 23/12/2019 - ES - Vila Velha - Movimento de clientes na véspera do Natal no bairro Glória. Carlos Alberto Silva
 Guarda Municipal de Vila Velha, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, fizeram fiscalização no Polo de Moda da Glória para o cumprimento do decreto de risco extremo para combater o avanço da Covid- 19
Guarda Municipal de Vila Velha, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, fizeram fiscalização no Polo de Moda da Glória para o cumprimento do decreto de risco extremo para combater o avanço da Covid- 19 . Fernando Madeira
 Guarda Municipal de Vila Velha, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, fizeram fiscalização no Polo de Moda da Glória para o cumprimento do decreto de risco extremo para combater o avanço da Covid- 19
Guarda Municipal de Vila Velha, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, fizeram fiscalização no Polo de Moda da Glória para o cumprimento do decreto de risco extremo para combater o avanço da Covid- 19 . Fernando Madeira
Comércio da Glória, em Vila Velha, na Black Friday 2020
Comércio da Glória, em Vila Velha, na Black Friday 2020. Carlos Alberto Silva
Sacolas e máscaras na Black Friday do comércio de rua da Glória, em Vila Velha
Sacolas e máscaras na Black Friday do comércio de rua da Glória, em Vila Velha. Carlos Alberto Silva
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória. Vitor Jubini
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.
Vila Velha - ES - Movimentação no comércio da Glória.

TERRENOS MAIS BARATOS

Quem se encantou e passou a se debruçar sobre a história do polo é a advogada e mestranda Jacqueline de Andrade S. Frederico, Em seu trabalho, ela busca estudar o impacto da pandemia nas pequeno e micro empresas da Glória. "A contextualização que fiz foi interessante para mostrar por que esse polo tem essa representatividade econômica e social para o município e o Estado", afirma.

"A empresa do Helvécio Quintão estava instalada na casa do sogro dele. Eles saíram dessa casa e foram para o bairro da Glória. Ali na Glória os terrenos estavam com um valor muito acessível. Então eles acabaram mudando para lá por conta do preço dos imóveis, que estava bem atrativo", explica Jacqueline.

A partir da escolha pela Glória, outros irmãos de Helvécio também começaram a abrir lojas no bairro e a família passou a incentivar que outras pessoas se instalassem na região também. "Uns produziam jeans, outros malhas, isso foi dando certo e chamando a atenção, daí surgiu a Glória. Foi criado o sindicato, a associação...", recorda o empresário.

 Jacqueline de Andrade S. Frederico

Jacqueline de Andrade S. Frederico

Advogada mestranda em Sociologia Política na Universidade de Vila Velha (UVV)

"O senhor Helvécio e a família perceberam que era muito interessante o comércio naquela região. Ele chamou os irmãos que moravam em Minas para virem trabalhar com ele. Na época, ainda não era um polo de comércio"

EVOLUÇÃO

O pesquisador Manoel Goes Neto explica que, a partir de 1980, houve uma grande evolução nos negócios da Glória e, em 1983, o polo foi instituído. De 80 empresas de confecção, a região passou a contar com mais de 400, incluindo outros segmentos e transformando inúmeras residências em polos comerciais.

Dados do Polo de Moda da Glória mostram que, atualmente, são cerca de 1,2 mil estabelecimentos entre lojas, restaurantes, bancos, farmácias e supermercados.

“Sempre é bom lembrar que a vocação da Glória sempre foi para o empreendedorismo, haja vista a instalação nos anos 1930 da Fábrica de Balas Garoto, hoje Nestlé”, ressalta Goes.

PONTO DE COMPRAS DOS CAPIXABAS

Com tantas e variadas lojas, o Polo da Glória é o ponto certo para compras, principalmente em datas festivas, como Natal e ano-novo. Para 2021, a expectativa da Uniglória é que o movimento no comércio oscile entre 15 mil pessoas por dia, podendo chegar a 20 mil por dia no fim de semana.

Na avaliação da presidente da Uniglória, Glenda Úrsula Puziol Amaral, o polo é muito importante para Vila Velha e o Estado. "Muitos empreendedores iniciaram suas atividades econômicas aqui, é um polo de moda, vestuário e hoje também já contém móveis, colchões, grandes bancos, farmácias", evidencia.

Glenda Úrsula Puziol Amaral

Glenda Úrsula Puziol Amaral

Presidente da Unigloria

"Hoje é o maior polo de lojas de Estado, gera em torno de 15 mil empregos diretos e movimenta fortemente a economia de Vila Velha e da Grande Vitória"

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.