Fórmula 1 vai vender retalhos da bandeira quadriculada para ações sociais

O intuito da ação realizada no ano de 2020 é arrecadar cerca de R$ 70 mil em cada uma das provas realizadas nesta temporada

Publicado em 24/06/2020 às 16h23

A tradicional bandeira quadriculada em preto e branco da Fórmula 1 terá outra utilização em 2020 além de sinalizar o final da prova. O comando da categoria venderá os pequenos quadrados presentes no símbolo para arrecadar dinheiro destinado a ações de caridade. O intuito é arrecadar cerca de R$ 70 mil em cada uma das provas realizadas nesta temporada.

Bandeira será vendida para ações sociais
Bandeira será vendida para ações sociais . Crédito: Globo Esporte

O plano da Fórmula 1 é vender 56 dos 80 quadrados que formam bandeira. Os 24 pedaços restantes vão ficar com a organização local repassar para o público e convidados. Os compradores dos pedaços terão o nome escrito no tecido, mas não poderão escolher qual será a cor comprada. O projeto da venda da bandeira integra o pacote anunciado no começo desta semana pela Fórmula 1 de projetos voltados a ações sociais.

Para a primeira corrida do ano, no dia 5 de julho, na Áustria, os fãs já podem comprar os pedaços da bandeira por cerca de R$ 1,2 mil. Os compradores vão receber o produto ao fim da prova em uma embalagem especial, com a foto da bandeira e um selo de autenticidade.

esportes Mundo

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.