ASSINE

Brasil tem 2ª maior taxa mundial de mortes diárias por Covid, alerta Opas

Segundo a organização, "falta de medidas" restritivas mais duras enfraqueceu a resposta de alguns países à pandemia, ao mesmo tempo em que prejudicou negócios

Publicado em 17/03/2021 às 15h08
Atualizado em 17/03/2021 às 15h08
Vítimas de Covid-19 são enterradas no Cemitério Vila Formosa em São Paulo (SP), que teve um aumento de enterros por conta da doença
Vítimas de Covid-19 são enterradas no Cemitério Vila Formosa em São Paulo (SP), que teve um aumento de enterros por conta da doença. Crédito: Ronaldo Silva/Futura Press/Folhapress

A situação da pandemia do novo coronavírus no Brasil preocupa a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), afirmou a diretora-geral da instituição, Carissa Etienne, nesta quarta-feira (17), destacando que o País tem a segunda maior taxa de óbitos diários por Covid-19 do mundo e cerca de metade das regiões brasileiras têm seus leitos completamente ocupados no momento. Segundo ela, "falta de medidas" restritivas mais duras enfraqueceu a resposta de alguns países à pandemia de covid-19, ao mesmo tempo em que prejudicou pequenos negócios.

Gerente de Incidente da Opas, Sylvain Aldighieri disse que a implementação de restrições no Brasil, nas esferas estadual e municipal, será essencial para controlar a pandemia. Para ele, as medidas adotadas até o momento "foram insuficientes, mesmo no melhor dos casos". É necessário ainda que os governos e prefeituras monitorem a situação constantemente, alertou Aldighieri.

Segundo Etienne, em contraste ao cenário brasileiro, México e Estados Unidos têm reportado menos casos de covid-19 nos levantamento recentes. O Canadá, porém, registra um aumento nas infecções, especialmente entre jovens adultos, disse. De acordo com a diretora-geral da Opas, quase 1,3 milhão de pessoas contraíram a covid-19 nas Américas na última semana.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.