ASSINE

Para o cliente enxergar bem, ótica também foca em informação

As Óticas Diniz investem na produção de conteúdos para orientar o consumidor sobre a saúde dos olhos; marca aposta ainda em atendimento humanizado

Tempo de leitura: 3min
Publicado em 23/06/2022 às 01h10
Óticas Diniz
As Óticas Diniz são referência do segmento no Espírito Santo, onde começaram a atuar há 15 anos . Crédito: Divulgação/Óticas Diniz

Com a missão de oferecer um amplo mix de produtos e serviços que garantam a completa satisfação dos clientes e tendo como valores integridade, atendimento, ética, disciplina, inovação e excelência empresarial. Assim se definem as Óticas Diniz, cujo propósito é ser visto como o maior e mais eficiente grupo ótico do Brasil.

Além de vender óculos e lentes de contato, inclusive de marcas próprias e exclusivas, as Óticas Diniz contribuem para melhorar a visão de clientes através de outro formato: a informação.

No blog da marca, os consumidores acessam dados sobre os principais exames de vista, dicas para o cuidado com a saúde dos olhos, informações sobre as doenças oculares, orientações sobre hábitos e atividades que fazem bem aos olhos e até mesmo curiosidades sobre celebridades e atletas que usam óculos de grau.

Diretor comercial das Óticas Diniz, Juarez Rezena destaca ainda o trabalho humanizado da empresa.

“Todo o processo de construção da marca tem como foco o ser humano. O nosso antigo slogan ‘Óticas Diniz, lugar de gente feliz’ não faz mais parte das nossas mídias, mas continua sendo a essência, a alma e o coração da marca. E essa preocupação com a satisfação do consumidor vai fidelizando os clientes, criando uma base sólida de relacionamento com o público, que começa com a preferência dos pais, depois dos filhos, na indicação boca a boca”, explica.

Com o primeiro lugar na categoria “Ótica” na 30ª edição do Prêmio Recall de Marcas Rede Gazeta, a empresa, a única marca do segmento totalmente brasileira, conquistou a preferência do mercado capixaba.

Juarez Rezena

Diretor comercial das Óticas Diniz

"Todo o trabalho institucional de gestão e de marketing que levou a esse reconhecimento não começou agora, não existe uma fórmula mágica. Foi construído ao longo dos anos, sendo três décadas de atuação da marca no Brasil e mais de 15 anos no Espírito Santo, com mais de mil lojas espalhadas pelo país"

Enfrentando as incertezas econômicas e as restrições causadas pela pandemia, o empresário conta que, mais do que nunca, investir na humanização da marca como diferencial foi fundamental para driblar os piores momentos da crise.

“Nesses anos de pandemia, fizemos questão de entrar em contato com cada cliente, para saber como estavam, do que precisavam. Acima de tudo, independentemente da questão da moda, óculos é saúde da visão, trata-se de enxergar bem”, pontua.

CANAIS DIGITAIS

Por isso, afirma Rezena, a empresa criou canais digitais para permitir que, apesar das dificuldades de mobilidade impostas pela pandemia, os clientes pudessem ter suas demandas atendidas.

Diretor comercial das Óticas Diniz, Juarez Rezena
Juarez Rezena destaca que a empresa evoluiu nos serviços digitais, mas sem perder a essência do atendimento humanizado. Crédito: Divulgação/Óticas Diniz

“Hoje, nosso cliente consegue nos encontrar com facilidade nas redes sociais e no site. E nós conseguimos ir até ele em atendimento a domicílio e delivery. Deixamos de ser uma empresa totalmente off-line e evoluímos no digital, mantendo a essência do atendimento humanizado”, acrescenta.

A preocupação da marca com a saúde em primeiro lugar se reflete na plataforma Diniz Social, iniciativa pioneira que, desde 2016, tem contribuído para mudar a realidade da visão infantil no país com a doação de mais de 20 mil óculos para crianças carentes em idade de alfabetização escolar. Além disso, em 2019, a empresa criou a Universidade Diniz para qualificar franqueados e colaboradores.

“Como nosso diferencial, o trabalho humanizado inclui os colaboradores. Além do processo cuidadoso de recrutamento de pessoas que partilham dos valores da marca, e do desenvolvimento profissional realizado para que os colaboradores possam ascender na carreira, consideramos importante cuidar da saúde emocional, criar um sentimento de pertencimento. E isso se reflete no atendimento ao cliente”, constata o diretor comercial.

Para os próximos anos, Rezena diz que a perspectiva é abrir novas lojas, bem como expandir a digitalização. “Queremos ser cada vez mais uma empresa multicanal, com novos softwares e investimento em redes sociais.”

A Gazeta integra o

Saiba mais
Recall de Marcas 2022

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.