ASSINE

Da base ao acabamento, grupo é líder em material de construção

Rede Construir reúne empresas do segmento para oferecer produtos de qualidade com preço reduzido

Publicado em 17/06/2021 às 01h18
Rede Construir
A Rede Construir ganha capilaridade e tem hoje 27 lojas distribuídas por 15 municípios do Espírito Santo. Crédito: Rede Construir/Divulgação

Desde o início da pandemia, empresários dos mais diversos segmentos enfrentaram dificuldades para contornar a crise econômica que afetou toda a sociedade. A Rede Construir se movimentou e adotou estratégias para se aproximar dos clientes em um período atípico. Nada foi em vão, e a empresa foi a mais lembrada na categoria “Loja de Material de Construção” no Recall de Marcas.

Com itens que vão da base ao acabamento, a Rede Construir oferece uma gama de produtos e marcas para os clientes que exigem qualidade. O reflexo da satisfação do público são a força e expansão da marca, que já atravessou as divisas do Espírito Santo.

Formado por grandes empresas do ramo do varejo de materiais para construção, o grupo tem mais de 240 lojas distribuídas por nove Estados.

No Espírito Santo, são 27 unidades em 15 municípios, mostrando capilaridade tanto na Grande Vitória quanto no interior. As opções nas mais diversas regiões do Estado são alguns dos fatores que fazem com que o reconhecimento do público seja um marco na trajetória da Rede Construir.

“São anos correspondendo às expectativas dos nossos clientes, sempre próximos e atendendo às necessidades de cada um: preços acessíveis, atendimento personalizado e de qualidade, formas de pagamento diferenciadas, promoções e unidades espalhadas pelo Estado”, destaca o diretor da Rede Construir no Espírito Santo, Douglas Broseguini Delfin.

PROXIMIDADE COM OS CLIENTES

A direção do grupo ainda aponta ações que fortalecem os laços com os clientes. As vendas e o relacionamento para além das lojas, com o avanço da interação nas redes sociais, criaram uma proximidade ainda maior com o público. O resultado dessa estratégia é observado cotidianamente.

“Buscamos a melhora constante nos serviços e produtos. Estamos próximos do consumidor, dando ouvido às suas necessidades. Nas redes sociais, por exemplo, recebemos muitas sugestões. A Rede Construir é uma aliada no dia a dia de cada cliente”, assegura Douglas Delfin.

Rede Construir - diretor da Rede Construir no Espírito Santo, Douglas Broseguini Delfin
 Douglas Delfin frisa que a empresa está próxima do consumidor, ouvindo suas necessidades. Crédito: Rede Construir/Divulgação

A relação do público com o modo de atuar da Rede Construir já atravessou duas décadas. A organização do grupo no Espírito Santo, no ano de 1999, resultou da necessidade de pequenos e médios empresários do segmento de material de construção em desenvolver mecanismos competitivos para lutar nas mesmas condições com grandes lojas do setor.

“Com isso (ao se juntar), foi possível oferecer preços acessíveis, formas de pagamentos diferenciadas, melhoria na assistência técnica dos fabricantes, padronização de produtos e atendimento, aprimorando o serviço prestado aos clientes”, recorda-se Douglas Delfin.

Para ele, outro fator que contribuiu para a Rede Construir manter a credibilidade perante o seu público foi o trabalho realizado durante a pandemia do coronavírus.

Em meio às dificuldades enfrentadas, principalmente pelo distanciamento social, portas fechadas e perda de contato físico com clientes e fornecedores, o grupo procurou transmitir confiança mesmo em um momento tão complicado. Para contornar os obstáculos, os canais digitais foram imprescindíveis.

“Procuramos marcar presença on-line constante, transmitindo confiança e credibilidade. Fizemos isso com novas formas de comprar, ofertas atrativas e ações que chamavam os clientes para as lojas, quando isso foi possível. E os canais digitais foram as principais ferramentas nesse período”, aponta o diretor.

MAIOR VARIEDADE DE PRODUTOS

Com o avanço da vacinação e a expectativa de a economia voltar aos trilhos nos próximos meses, a Rede já iniciou o planejamento para uma nova fase de crescimento. Nessa perspectiva, investimentos nas vendas on-line e aumento na variedade de produtos de decoração são prioridade para o grupo.

“Vamos aproximar ainda mais a marca do público e investir na venda on-line para oferecer comodidade ao cliente. Essa iniciativa possibilitará o aumento do mix de produtos, como o nicho de decoração, no qual planejamos estar mais presentes”, finaliza Douglas. 

Vídeo do ganhador com troféu do 29º Recall de Marcas

Este vídeo pode te interessar

Clique aqui e faça download do vídeo.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Recall de Marcas Recall de Marcas 2021

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.