ASSINE

No verão a moda é aceitar-se, afirma especialista

Muito além de usar o que está na moda, cada um deve descobrir o que mais se encaixa em seu perfil, indica estilista

Publicado em 23/01/2020 às 14h15
Atualizado em 23/01/2020 às 14h27
Bia Fernandes afirma que as tendências estão mais voltadas para a individualidade. Crédito: Acervo Pessoal
Bia Fernandes afirma que as tendências estão mais voltadas para a individualidade. Crédito: Acervo Pessoal

“Não existe mais esta questão de tendência: vou usar, não vou usar. Está usando tudo!” Esta é a principal dica de moda da estilista Bia Fernandes para a alta temporada do verão. Para ela, antes de saber o que está na moda, as pessoas precisam se conhecer para descobrir o que se encaixa em seu perfil.

Além disso, Bia afirma que, cada vez menos, as tendências irão existir. “As tendências que estão vindo agora são voltadas para a individualidade: da pessoa respeitar aquilo que ela tem, aquilo que ela é. Que não se repete em outra pessoa. Então, essa é uma onda irreversível que o mundo está vendo acontecer. É uma nova fase, um novo momento também de muita conexão”, explica.

Slow fashion

Muito além da moda, para Bia Fernandes, o momento é de saber quem está por trás da marca e quais os seus valores. O termo “Slow fashion”, usado para a moda sustentável, tem sido uma das maiores preocupações de fashionistas.

Bia Fernandes

Estilista

"A gente quer saber quem é o dono daquela marca, como é a vida dele, quais são os seus valores... Pessoas se conectam com pessoas e não com marcas. E, aí sim, eu vou saber se os valores dela batem com os meus. Vou amar aquela marca por causa de quem está por trás dela, e não só por causa daquela marca, por causa de cores e tendências, mas pela proposta, pelo propósito real"

Ela ainda frisa que a transparência está em jogo, mais do que a própria tendência.

Tendência

Assim como em anos anteriores, a tendência é usar na praia a mesma roupa que vai para o happy hour. “São shorts, longos, saia pareô. Tem uma tendência forte de mix de acessórios: brincos, colares, pulseiras, anéis, tornozeleiras. Tem uma tendência do colorido em joias e bijuterias e está usando também conchas e materiais naturais, como pérolas da água doce”,

Ela finaliza ressaltando que a moda é usar o que fica bem na pessoa, de acordo com o gosto.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.