ASSINE

Suspeito de homicídio em disputa pelo tráfico em Vila Valério é preso

Segundo a Polícia Civil, vítima do crime era recém-chegada ao município e pretendia assumir o comando do comércio de entorpecentes

Publicado em 05/11/2021 às 13h05
Polícia prende suspeito de homicídio em zona rural de Vila Valério
Polícia prende suspeito de homicídio em zona rural de Vila Valério. Crédito: Foto: Divulgação/Sesp

Um homem de 43 anos, que não teve o nome divulgado, foi preso na manhã desta sexta-feira (5), em Córrego da Fruta, zona rural de Vila Valério, no Norte do Espírito Santo. Ele é suspeito de assassinar Maurício Almeida de Jesus, 23. O crime ocorreu no dia 17 de outubro, no Bairro Nossa Senhora da Penha, no município. Segundo informações da Polícia Civil, a morte teria como motivo o comando do tráfico de drogas na região.

O delegado Rafael Caliman, titular da Delegacia de Polícia (DP) de São Gabriel da Palha, explica que a vítima tinha chegado à cidade recentemente. “Segundo as investigações, a vítima pretendia assumir o comando do comércio de entorpecentes no local. Por tratar-se de criminoso recém-chegado, outros integrantes do grupo criminoso não aceitaram a imposição e o executaram”, relata Caliman.

O investigado tinha mandado de prisão temporária expedido pela Justiça. Foi encontrado em casa e não resistiu à prisão, efetuada por equipes da Polícia Civil e Polícia Militar. Durante a ação, os policiais encontraram uma espingarda calibre 12 com cano cortado, que foi apreendida.

O indivíduo foi levado à delegacia, onde prestou depoimentos sobre o crime. Ele foi autuado, em flagrante, também por posse ilegal de arma de fogo, e depois encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Domingos do Norte, à disposição da Justiça.

Outro suspeito de envolvimento no crime teve a prisão decretada, porém não foi localizado durante a operação e é considerado foragido.

Este vídeo pode te interessar

De acordo com a Polícia Civil, as investigações sobre o crime seguem em andamento. Informações que auxiliem na localização do segundo suspeito podem ser repassadas de forma anônima, por meio do Disque-Denúncia 181.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.