ASSINE

Mulher é encontrada morta sem roupas na própria cama em Cariacica

A família informou à polícia ainda que o companheiro da doméstica é muito agressivo o ciumento, e que a vítima não podia ter redes sociais e celular

Publicado em 02/01/2019 às 18h53
Mulher foi encontrada morta na própria cama em Cariacica. Crédito: Bianca Vailant
Mulher foi encontrada morta na própria cama em Cariacica. Crédito: Bianca Vailant

Uma mulher foi encontrada morta e despida na própria cama por volta das 14h desta quarta-feira (2) no bairro Moxuara, em Cariacica. Quem encontrou o corpo foi o irmão da vítima, que entrou no local à procura da mulher, que trabalhava como empregada doméstica.

A família e a polícia suspeitam do companheiro dela; eles moravam juntos há cinco anos. Todos participavam de uma confraternização de réveillon nesta terça-feira (1º). A família contou para a polícia que não chegou a presenciar discussões na festa, quando todos decidiram se recolher para dormir.

Pela manhã, acharam que a doméstica havia ido para o trabalho junto com o companheiro, mas quando perceberam a demora para retornar para casa, ficaram preocupados e tentaram contato por diversas vezes, tanto com a vítima quanto com o local em que ela trabalhava.

A família informou à polícia ainda que o companheiro da doméstica é muito agressivo o ciumento, e que a vítima não podia ter redes sociais e celular. A mãe dela contou a reportagem do Gazeta Online que chegou a ver o rapaz tentando estrangular a mulher; a vítima tem uma filha de 13 anos que mora em outro município e o companheiro é desempregado.

A perícia esteve no local e constatou que a vítima foi morta por asfixia. Havia sangue no pescoço e na boca da empregada doméstica. A Polícia Civil aguarda o resultado dos exames para saber se o homem é realmente o autor do crime; caso seja comprovado, será emitido um mandado de prisão para o suspeito.

VEJA FOTOS

A Gazeta integra o

Saiba mais
assassinato cariacica espírito santo mulher espírito santo

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.