ASSINE

Mais de 20 funcionários são feitos reféns em assalto a fazenda em Linhares

Criminosos mantiveram 22 funcionários trancados em um cômodo da residência e fugiram do local levando o gerente da fazenda como refém em um carro. Um dos suspeitos foi detido

Tempo de leitura: 2min
Colatina
Publicado em 06/05/2022 às 15h11

Cinco homens armados fizeram 23 funcionários reféns em um assalto a uma fazenda na manhã desta sexta-feira (6), na localidade de Jataipeba, em Linhares, no Norte do Espírito Santo. Segundo a Polícia Militar, o grupo manteve 22 funcionários trancados em um cômodo do local e fugiram do local levando o gerente da fazenda como refém no carro de uma das vítimas. Além do veículo, foram roubados, pelo menos, uma televisão, um celular e até um barco.

A Polícia Militar informou que foi acionada para ir à propriedade rural depois que os criminosos fugiram do local, sequestrando o gerente da fazenda. Os policiais conseguiram localizar 22 funcionários que haviam trancados em um cômodo. 

O gerente levado como refém foi abandonado com o veículo no bairro Shell, no mesmo município. A Força Tática da PM foi ao local e conseguiu deter um dos suspeitos, identificado com Davi de Souza Nascimento, de 21 anos. Os criminosos utilizaram duas armas no assalto: uma arma longa e um revólver 38.

De acordo com a PM, os bens que haviam sido roubados pelos criminosos foram recuperados, e as vítimas informaram aos militares que checar se outros objetos que  possam ter sido levados para registrarem a ocorrência na 16ª Delegacia Regional de Linhares.

Polícia Civil informou que o Davi de Souza Nascimento foi conduzido à Delegacia Regional de Linhares e autuado em flagrante por roubo qualificado com concurso de pessoas, com restrição de liberdade das vítimas. O suspeito foi encaminhado à Penitenciária Regional de Linhares (PRL).

A corporação informou também que caso segue sob investigação da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Linhares, com intuito de localizar e deter os demais envolvidos no roubo. A população pode contribuir com informações de forma anônima através do Disque-Denúncia 181. O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.