ASSINE

Dupla tenta aplicar golpe do falso atendimento ao cliente em banco de Cachoeiro

Crime foi descoberto após cliente ter cartão retido em terminal de caixa eletrônico

Cachoeiro de Itapemirim
Publicado em 07/11/2021 às 10h28
Dois homens  foram flagrados fugindo do local em um veículo Fiat Uno de cor cinza
Suspeitos  foram flagrados fugindo do local em um veículo Fiat Uno de cor cinza. Crédito: Divulgação - Polícia Civil

Um cliente sofreu tentativa de  golpe em uma agência bancaria de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado,  na manhã de sábado (06). Um dispositivo que prende os cartões em caixas eletrônicos foi localizado em duas agências da cidade. Ninguém foi preso, mas os dispositivos foram apreendidos. 

De acordo com a apuração do repórter da TV Gazeta Sul, Gustavo Ribeiro, o cliente foi até o caixa eletrônico da agência localizada no bairro BNH para fazer uma transação, mas o cartão ficou preso no terminal. O cliente seguiu para a Polícia Civil e agentes foram até a agência. No local,  dois homens foram flagrados fugindo em um veículo Fiat Uno, de cor cinza.

Os policiais entraram na agência e descobriram que se tratava do golpe da central falsa de atendimento. Nesse golpe, os criminosos instalam um dispositivo no caixa eletrônico, que prende o cartão do cliente, e colam um adesivo no terminal contendo um telefone com um Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) falso. Caso o cliente ligue para esse número, são solicitados dados pessoais, inclusive a senha do cartão. Mas, na verdade, quem está do outro lado da linha é um golpista.

Após esse fato, os policiais civis fizeram diligências em outras agências da cidade e encontraram o mesmo dispositivo em outro caixa, no bairro Guandu. A Polícia Civil destaca que a população tem um papel importante nas investigações e pode contribuir com informações de forma anônima através do Disque-Denúncia 181, que também possui um site onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas, o disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas.   

Por meio de nota, a Caixa Econômica, onde o dispositivo foi instalado, esclareceu que informações sobre eventos criminosos em suas unidades são repassadas exclusivamente às autoridades policiais, e ratifica que coopera integralmente com as investigações dos órgãos competentes. E ainda que as salas de autoatendimento das agências da Caixa Trevo e Bernardo Horta , na cidade de Cachoeiro de Itapemirim/ES, estão em funcionamento.

Este vídeo pode te interessar

O caso será investigado pela Polícia Federal.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.