ASSINE

Bicicletas compartilhadas são usadas para cometer crimes em Vitória

Policia Civil realizou uma operação na Capital. Três bicicletas foram apreendidas e dois suspeitos detidos

Publicado em 22/08/2019 às 00h53

A Policia Civil realizou uma operação, na noite desta quinta-feira (8), para recuperar bicicletas compartilhadas que estariam sendo utilizadas para cometer assaltos em Vitória. Três bicicletas foram apreendidas e dois suspeitos detidos, a polícia investiga se eles têm participações nos assaltos.

Bicicletas recuperadas em Vitória . Crédito: Esthefany Mesquita
Bicicletas recuperadas em Vitória . Crédito: Esthefany Mesquita

Segundo o delegado da 3° DP da Praia do Canto, Leandro Piquet, a operação teve início depois que a polícia recebeu várias denúncias informando que roubos estavam ocorrendo com o uso das bicicletas compartilhadas. "Depois de inúmeras denúncias, fomos fazer as diligências. Hoje houve uma concentração das bicicletas em baixo da ponte Ayrton Senna", disse.

De acordo com o delegado, o primeiro suspeito localizado foi Mateus Felipe Ventura da Silva, de 18 anos. A polícia encontrou o criminosos às 19h30. "Ele passava pela ponte de Camburi quando nós o visualizamos. Quando fizemos a abordagem, a bicicleta estava mesmo sem o lacre de proteção, mas ele não quis dizer para que estava usando a bicicleta. De qualquer forma estava em um veículo furtado, já que não estava usando da forma correta, pagado o que é necessário", contou.

O segundo suspeito estava, identificado como Marcos Pereira da Silva, de 21 anos, foi encontrado às 19h40, no Triângulo das Bermudas, na Capital. "Ele estava nas mesmas condições do primeiro suspeito. Ele não reagiu e disse que só estava utilizando a bicicleta para circular. Mas de qualquer forma, será investigado", relatou.

As bicicletas estavam em posso dos suspeitos há mais de uma semana. "Para a equipe, os dois contaram que não se conhecem, mas isso será investigado".

Os suspeitos foram autuados por furto qualificados e serão encaminhados ao presídio.

AVALIAÇÃO

Leandro Piquet informou ainda que os dados serão encaminhados para a empresa responsável pelas bicicletas compartilhadas para saber se os veículos apreendidos foram usados em crimes em Vitória.

A Gazeta integra o

Saiba mais
crime vitória

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.